18/09/12 | 15:32
Zona oeste é contemplada com o 127º Telecentro

Nesta segunda feira, (17), o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) em parceria com a Prefeitura de Manaus e a Secretaria Municipal de Educação – SEMED inauguraram o 127º Telecentro. Desta vez a Unidade Educacional contemplada foi a Escola Municipal Prof.ª. Percília do Nascimento Souza, localizada no bairro da Compensa II, zona oeste da cidade. Participaram da solenidade pais, corpo docente, representantes da Divisão Regional Educacional – DRE II e o Secretário Municipal de Educação, Mauro Lippi.

O Secretário Municipal de Educação, Mauro Lippi, ressaltou que o Estado do Amazonas é um dos locais que há o menor número de bibliotecas e, que assim como outros, este Telecentro vai ajudar a reverter essa situação dando aos discentes desta e das outras Unidades Educacionais a oportunidade de ter uma educação com mais qualidade e voltada para as novas tecnologias aliadas com o ensino público.

“Esses telecentros funcionam com modo alternativo para prender a imagem visual dos alunos e fazer com que se dediquem e aprendam ainda mais”, ressaltou Lippi.

De acordo com a gestora, Maria Bernadete, o telecentro dará o suporte às atividades que alunos e professores desenvolvem, assim como a oportunidade de pais e comunitários de se aproximarem cada vez mais da escola.

“ Visto que vivemos na era da informação, este novo espaço informacional e de  inclusão digital dará a pais, alunos e comunitários um novo estímulo ao processo de ensino e de aprendizagem. A expectativa para o ensino, agora, será bem melhor” , enfatizou a gestora.

Segundo o comunitário e pai de aluno, Romário Júlio, a escola vivencia um novo momento, onde pais e alunos terão o privilégio de obter novos conhecimentos acerca de vários assuntos com auxílio da internet com mais intensidade. “O bom disso, é que todos os que disfrutarem da área escolar para fazer cursos e pesquisas não precisarão pagar”, enfatizou o comunitário.

A estudante do 6º ano, Thais Balma, 11, afirmou que esta unidade informatizada será um novo auxílio em sua vida escolar.

“Agora, muito mais do que antes, vou ter acesso à informática. Vou puder fazer trabalhos, pesquisas e coisas divertidas. Pela internet podemos viajar conhecer realidades diferentes e ver coisas que jamais pensaríamos que existissem. Vou adorar”, afirmou a aluna.

Atendimento

A escola atende 600 alunos nos turnos matutino, vespertino e noturno do 1º ao 5º ano e, ainda, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e a Educação Especial.