07/01/15 | 9:19
Trezentos alunos da rede municipal participam de provão eletrônico

Cerca de 300 alunos do 9º ano do Ensino Fundamental e da 5ª fase do segundo segmento da Educação de Jovens e Adultos (EJA), que ficaram reprovados em até duas disciplinas, terão uma segunda oportunidade de aprovação no ano letivo de 2014. A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), realiza, desta segunda-feira, 5,  até o dia 12 deste mês, um Provão Eletrônico, no qual os estudantes responderão questões referentes às matérias em que foram reprovados.

 

O Provão Eletrônico é uma avaliação feita via internet. As questões estão contidas em um banco de dados da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), que foi disponibilizado à Semed. Para cada disciplina, o estudante responde 20 perguntas de múltipla escolha e, para ser aprovado, precisa acertar pelo menos 50% da avaliação.

 

Segundo o gerente do EJA da Semed, Mauro Brito, a avaliação atende a orientação da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN), na resolução 03/2010. Ele explica que a Semed está realizando a prova pela primeira vez porque a resolução em âmbito municipal foi aprovada somente no final de 2013.

 

“Nós estamos iniciando o provão eletrônico com os alunos reprovados em até duas disciplinas. Se aprovados, recebem certificação para darem prosseguimento aos seus estudos no Ensino Médio. Existe uma resolução nossa (município de Manaus), que é a 023, que ampara esse provão eletrônico. Nós esperávamos a conclusão desse sistema no formato digital para podermos operacionalizar. Os alunos sabem se foram aprovados no momento em que finalizam a prova”, explicou, lembrando que o estudante pode reagendar uma nova avaliação caso não obtenha êxito.

 

“Se caso o aluno não for aprovado, ele tem a opção de remarcar a prova e ser submetido novamente à avaliação. Não existe um limite de tentativas, mas a prova só poderá ser feita até o dia 12 deste mês. Se passar esse prazo, infelizmente, ele terá que repetir o ano”, concluiu.

 

Mais uma chance

 

Fabrício da Mota, aluno do 9º ano da Escola Municipal Rodolpho Valle, no bairro da Redenção, zona Centro-Oeste, foi um dos participantes do provão eletrônico na sede da Gerência de Tecnologia Educacional (GTE/Semed), na manhã desta segunda-feira (5). Ele foi reprovado na disciplina de Língua Portuguesa. Antes de entrar na sala ele contou que se arrependeu de não ter se dedicado mais aos estudos.

 

“Tive muita dificuldade de aprender português. Não culpo a professora como meus colegas fazem. Eu sei que eu poderia ter passado se tivesse estudado. Essa é mais uma oportunidade que estou tendo. Meus pais ficaram muito tristes comigo. Eu também fiquei triste. Agora em 2015, não quero passar por isso de novo”, afirmou.

TEXTO: Thiago Botelho

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054/98842-1188