21/11/18 | 16:56
Servidores da Semed participam de palestra sobre conscientização dos cuidados com a saúde do homem

Em alusão ao Novembro Azul, mês voltado para a campanha de conscientização, prevenção, e diagnóstico precoce do câncer de próstata de demais doenças masculinas, a Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio da Gerência de Desenvolvimento do Servidor (GDS), realizou na tarde desta quarta-feira, 21/11, a palestra “Homem: O cuidado com a saúde é por toda a vida”. O evento aconteceu no auditório da sede.

Aproximadamente 100 servidores da Semed, entre homens e mulheres, participaram da palestra com a enfermeira da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Rosineide Lopes, que abordou temas de cuidado, higiene, prevenção e diagnóstico da doença. De acordo com ela, a palestra é voltada para homens e mulheres, visto que muitas vezes é a parceira que tem a iniciativa de levar o marido ao médico.

“É muito importante que os homens tenham consciência do cuidado que ele precisa ter com a saúde e, nesse processo, as companheiras são grandes aliadas. As mulheres, na maioria, são mais atentas a pequenos detalhes que podem fazer a grande diferença no tratamento. Quando o homem percebe algo estranho, pode ser tarde demais”.

Segundo a chefe da GDS da Semed, Wania Braga, durante todo o ano, a secretaria desenvolve várias campanhas importantes que visam o cuidado com a saúde do servidor. “O número de homens com câncer de próstata tem aumentado cada vez mais e a Semed, pensando nos seus servidores, desenvolve campanhas durante todo o ano voltadas para esclarecimentos sobre doenças que podem ser evitadas com o diagnóstico”, explicou Wânia.

O assessor pedagógico da Gerência de Educação Escolar Indígena (Geei) da Semed, Glademir dos Santos, 52, há 6 anos faz exames gerais de prevenção. Para ele, é importante que o homem deixe de lado o machismo e faça o exame de toque na próstata para que haja um diagnóstico mais preciso. “Eu me cuido, todos os anos faço exames, incentivo meus parentes a fazer. O exame de toque é o mais seguro e não mexe com a virilidade do homem. Precisamos deixar o preconceito de lado e cuidar da saúde”, disse Glademir.

 

Texto e fotos: Érica Marinho

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054