27/02/19 | 17:41
Servidores da DDZ Rural concluem curso de Marinheiro Fluvial Auxiliar de Convés e Máquinas

Aconteceu, na manhã desta quarta-feira, 27, na sede da Divisão Distrital Zonal Rural (DDZ Rural), localizada na Avenida Torquato Tapajós, a cerimônia de certificação dos participantes no Curso de Marinheiro Fluvial Auxiliar de Convés e Máquinas, ministrado na própria sede da DDZ Rural para 21 servidores. A formação foi oferecida pela e Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (Cfaoc),  em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed).

Ao contrário das outras turmas,  essa foi destinada a servidores e funcionários da sede da DDZ Rural e educadores de escolas localizadas na zona Rural/ Ribeirinha de Manaus, entre eles havia gestores escolares,  pessoas lotadas no setor de manutenção, a chefe da divisão, Edilene Pinheiro, além de condutores do transporte escolar.

Durante a capacitação, os condutores aprenderam manobras, técnicas de estabilidade, marinharia, primeiros-socorros, além de conhecimentos básicos de motores e poluição hídrica. De acordo com a chefe da DDZ Rural, Edilene Pinheiro, a formação é essencial para o trabalho pedagógico realizado pela  divisão.

“Esse curso é extremamente importante para nós, porque parte das nossas escolas são ribeirinhas e estamos praticamente todos os dias  nos rios para realizarmos o  assessoramento nessas unidades de ensino. Com esse curso, esses servidores passam a estar capacitados para andar no rio de uma forma mais segura. A capacitação pode ser caracterizada, ainda, como uma forma de valorização dos servidores”, destacou.

Com a capacitação, os condutores poderão mudar da  categoria de Arrais-Amador, que permite conduzir embarcações de pequeno porte, como lanchas, jet-skis, embarcações a vela ou motor, em águas interiores, ou seja,  rios, represas e baías,  para a de Marinheiro Fluvial Auxiliar de Convéns e Máquinas, estando aptos para  atuar como comandantes de embarcação de até 12 metros e fazer manutenção ou reparos em motores de embarcações.

Segundo o assessor de infraestrutura, Douglas Vidal, fazer o curso foi um  anseio realizado.  “O desejo de fazer esse curso surgiu da própria necessidade diária, por conta do trabalho. Por exemplo,  se o condutor habilitado, por uma situação pessoal, faltar ao trabalho e eu precisar fazer uma visita a uma escola, agora tenho a habilitação para pilotar a lancha em alguma eventualidade”.

 

Texto: Emerson Felipe

Fotos: Divulgação/ DDZ Rural

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054