05/02/16 | 14:18
Semed reúne educadores e lideranças indígenas em jornada pedagógica

Jornada Pedagógica dos professores indígenas DDPM . Fotos Cleomir (3)Professores e lideranças indígenas, de espaços culturais assistidos pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), tiveram a oportunidade de conhecer leis e resoluções que tratam sobre a cultura indígena, bem como a metodologia para elaborar projetos na área pedagógica. A ação faz parte da Jornada Pedagógica realizada em toda rede municipal de ensino que encerrou nesta sexta-feira, 5, na Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), localizado na zona Centro-Sul, reunindo em torno de 40 pessoas.

Segundo o chefe da Gerência de Educação Indígena (GEI), Rossini Maduru, o encontro teve o objetivo de mostrar mecanismos para construção e execução de projetos de cunho pedagógico na área da educação indígena. “A ideia de hoje foi trabalhar uma oficina de elaboração de projetos e planejamento de aula mensal de forma teórica, reforçando o trabalho de revitalização da língua e pedagógico executados nestes espaços”, destacou.

Jornada Pedagógica dos professores indígenas DDPM . Fotos Cleomir (10)Maduru ainda destacou a importância do momento para os educadores, tendo em vista que a grande parte desses profissionais e lideranças indígenas não têm muito conhecimento para se produzir e executar um projeto porque não têm formação acadêmica. “O encontro de hoje é importante para oferecer-lhes o conhecimento teórico e didático sobre a questão, dando assim um suporte técnico e metodológico pedagógico”, disse o gerente ao destacar que cada espaço trabalha com um projeto distinto, envolvendo sua respectiva língua materna durante todo o ano.

Jornada Pedagógica dos professores indígenas DDPM . Fotos Cleomir (9)A professora do Espaço Cultural Amarini Arurã Apurinã, localizado no Mauazinho, Jessica Batista, destacou a relevância destes momentos para os educadores que atuam espaços culturais. “Momentos como este dá um norte, nos indica um melhor caminho para repassar a nossa cultura. A partir delas, temos a oportunidade de adquirir experiências, aumentar o conhecimento sobre a área pedagógica e criar métodos de ensino, associando a cultura de cada etnia e, por fim, por em prática ações e ideias”, enfatizou.

Espaços culturais

Estes espaços estão inseridos em 18 lugares na zona urbana e rural de Manaus para revitalizar as culturas indígenas do Amazonas de forma diferenciada e por meio de projetos específicos, como música, dança e demais artes. Atualmente, cerca de 500 alunos são assistidos pela secretaria com a disponibilização de professores, assessoramento pedagógico e materiais escolares.

Na reunião também foi abordado legislações que tratam a cultura indígena, como  a Constituição Federal, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) e a Resolução Nº 5, de 22 de junho de 2012, do Conselho Nacional de Educação, que define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Escolar Indígena na Educação Básica, em âmbito federal.

 

Texto: Emerson Felipe

Foto: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054