01/06/11 | 15:17
Semed Realiza “Mobilização ninguém fora da escola”

A Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio do Departamento de Gestão Educacional, Divisão de Ensino Fundamental e das Divisões Regionais Educacionais, realizou na segunda-feira (30/05), a “Mobilização Ninguém Fora da Escola – Monifes”. Na Oportunidade, também, foi celebrada a 1ª Gincana Cultural de Fundamentos de História e Geografia do Amazonas, além de sorteios de kits que continham cadernos, lápis, borracha e caneta.

Participaram do evento  23 escolas, todas privilegiando uma educação de qualidade não apenas aos alunos da rede de ensino diurno, mas com o entendimento de que se redobre, também, atenção aos alunos de ensino noturno, oportunizando ensino paritário a todos.

Objetivando alternativas de superação aos desafios do ensino noturno que interferem na permanência e na promoção do aluno, a Diretora do Departamento de Gestão Educacional da Semed, Wissilene Brandão, enfatiza sua preocupação com o abandono dos alunos no ensino noturno. “A mobilização desrespeita a preocupação, antes de trabalhar a política educacional de aprovação de melhoria do rendimento de aprendizagem do aluno, a gente deve inicialmente nos preocupar com a permanência desse aluno na escola. A taxa de abandono na Secretaria gira em torno de 40% no ensino noturno, enquanto no diurno não chega nem a 10 %”. E continuou “Estamos fazendo vários encontros com diretores, professores para estimularem a permanência deles na escola”, disse.

A integração com a família

Para a dona de casa Cecília da Costa Rodrigues, 50 anos, aluna da 3ª série do ensino fundamental da Escola Municipal de Ensino (EMEF), Carlos Gomes, localizada na Avenida Expedicionários, S/N – Compensa I, o estimulo da família foi fundamental para o retorno dela aos estudos. “Fui estimulada pela minha filha quando me disse que seria bom eu estudar, já que eu havia perdido tanto tempo. Foi justamente ela que foi a Semed e fez minha matricula aqui na escola e graças a Deus o estimulo dela já contagiou todos os meus familiares” afirmou.

Atualmente, a Escola Municipal Carlos Gomes atende cerca de 870 alunos, sendo 308 matriculados no ensino noturno. A instituição contempla cidadãos na faixa etária que vai de 14 aos 60 anos.