28/08/18 | 11:46
Semed promove encontro para discutir pontos sobre a EJA na perspectiva da BNCC

Com o tema ‘Experiências: Projetos e Práticas Exitosas no Chão da Sala de Aula, sem perder o foco na BNCC’, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizou na noite de segunda feira, 27/8, no auditório da secretaria, o Primeiro Encontro dos professores de História, Geografia e Ensino Religioso da rede municipal de educação que atuam na Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O encontro buscou proporcionar discussões entre os profissionais o com objetivo de oportunizar um momento de reflexão entre os profissionais sobre a EJA na perspectiva BNCC, além do compartilhamento de experiências de práticas pedagógicas  realizadas por  professores do município.

O assunto foi debatido por meio de mesas temáticas com a participação de profissionais da Semed, da Secretaria Estadual do Amazonas (Seduc) e da Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

A diretora do Departamento de Gestão Educacional (Dege) da Semed, Marcionília Bessa, que representou a secretária Kátia Schweickardt, ressaltou que secretaria busca com esses encontros, promover debates que vão influenciar nas atividades em sala da aula.

“A educação está vivendo um momento muito importante com a consulta pública sobre o currículo amazonense, e esse momento é muito propicio a essa reflexão. E importante também  para que os professores da EJA se apropriem do documento”.

A assessora de história da Divisão de Ensino Fundamental (DEF) e  participante do Grupos de Estudos e Pesquisas em História do Amazonas (Gepham), Lídia Helena Oliveira, falou sobre a atividade, que contou ainda com a participação do Núcleo de Estudo e Pesquisa Interdisciplinar da Diversidade (Nepid).

“Já tivemos outros momentos em que abordamos outras temáticas e neste momento os três grupos estão focados na Educação de Jovens e Adultos”.

A gerente da Educação de Jovens e Adultos da Semed, Alina Bindá, falou da importância do encontro.  “A gerência considera o encontro extremamente importante, pois entende que ele proporciona um amplo debate envolvendo a EJA no contexto da BNCC”, comentou.

Uma das experiências apresentadas no evento foi a gincana idealizada pelo professor de geografia Raimundo Costa  Fernandes e trabalhada há dois anos com 120   alunos, do 1º e 2º segmento da   Escola Municipal Joaquim da Silva Pinto, no Bairro do Crespo, zona Sul, que aborda o tema ‘Regionalidade e atualidade:   desenvolvendo conhecimento e autonomias dos alunos do ensino noturno da EJA’.

 

Texto e Fotos: Emerson Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054