07/05/12 | 19:47
Semed mostra seus projetos na Ação Global

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) participou, no último sábado, (5), da Ação Global 2012, no Clube do Trabalhador, Sesi, zona Leste de Manaus, com a exposição de alguns estandes que mostraram os projetos e programas desenvolvidos pela Prefeitura de Manaus, no processo de ensino aprendizagem na rede de ensino.

Com o tema “Eu faço ação global o ano inteiro”, a Semed oportunizou ao público a chance de interagir e conhecer os vários trabalhos realizados junto ao alunado e a comunidade em geral, dentre os quais: Telecentro, Educação Fiscal, Programa Municipal de Escolarização dos Adultos e da Pessoa Idosa (PROMEAPI), Leitura livre, Jogos Matemáticos e Mesas Educacionais E-Block e Projeto ProUca – Netbooks.

A Secretaria ofereceu às centenas de pessoas presentes no Sesi atividades como: leitura e desenho livre, desenho para colorir, contação de histórias, pintura de rosto das crianças, jogos matemáticos, origami, mesa educacional, mercadinho cidadão, fantoches, pirata, entre outras.

“A Semed enquanto instituição formadora e concentrada com o desenvolvimento do indivíduo mais uma vez se faz presente este ano na Ação Global. Todos que passaram pelos estandes puderam conhecer um pouco do nosso trabalho”, finalizou uma das coordenadoras da Semed no evento, Miqueline Silva.

Wellington Nery Pereira, 16, pela segunda vez visitou a Ação Global, mas o que chamou a atenção do jovem foi o stand com a atividade de desenho. Fascinado em desenhar desde criança, Wellington não pensou duas vezes e sentou-se à mesa para aprender um pouco mais sobre a arte.

“Sempre gostei de fazer isso. Espero aqui aperfeiçoar mais ainda o que já aprendi antes e agora com as essas educadoras. O desenho é algo fascinante”, declarou.

Aluna do 3º ano da Escola Estadual Roderick Castelo Branco, bairro São José, zona Leste e monitora do Telecentro da Escola Municipal Armando Mendes, Miriam Leal, define que a chance dada para outras pessoas de conhecerem o Telecentro é excelente.

“O Telecentro dá essa chance ao acesso à informática. É um benefício muito importante para o aluno e para a comunidade onde está instalado. O importante é que o Telecentro ajuda de várias formas dentro da escola, onde a pessoa pode pesquisar no local sem ir para alguma lan house”, finalizou.