07/12/17 | 15:26
Semed apresenta resultados da Avaliação de Desempenho do Estudante 2017

As Divisões de Avaliação e Monitoramento (DAM) e de Ensino Fundamental (DEF)  da Secretaria Municipal de Educação (Semed) apresentaram, na manhã desta quinta-feira, 07/12 , os resultados da Avaliação de Desempenho do Estudante (ADE) 2017. A apresentação aconteceu  na sede da Divisão de Desenvolvimento do Profissional do Magistério (DDPM), localizada no bairro Parque 10, zona Sul.

Mais de 190 mil alunos das séries do 3º, 5º, 7º e 9º ano do Ensino Fundamental,do Projeto Itinerante (7º e 9º ano) e da Educação de Jovens e Adultos (EJA/3ª e 4ª fases) realizaram, durante o ano, as três avaliações nas disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática e Ciências da Natureza, sendo esta última disciplina destinada somente aos alunos do 9º ano. Participaram da reunião, a secretária de Educação, Kátia Schweickardt, a subsecretária de Gestão Educacional, Euzeni Trajano e os assessores pedagógicos das Divisões Distritais Zonais (DDZ’s).

De acordo com apresentação da DAM, cerca de 59% dos alunos de toda a rede acertaram as questões das provas em todas as disciplinas.Para todas os anos existem potencialidades diferentes a serem avaliadas.

Para a secretária de educação, a partir do próximo ano, o trabalho deve ser focado o fortalecimento da parceria entre assessores pedagógicos, diretores e professores para que os resultados sejam ainda mais expressivos.

“Logo no início do ano, no período das formações é necessário que os assessores pedagógicos, por mais que já façam esse tipo atendimento in loco, demarquem por área as dificuldades encontradas por cada professor em trabalhar os descritores e verificando a realidade e necessidades de cada escola, identificando as nossas fragilidades”, comentou Kátia.

Para 2018, o estudo de descritores, que são pré-requisitos, terá as habilidades mais trabalhadas para que os alunos não avancem para outros anos com as mesmas dificuldades. “Mesmo com o resultado positivo no crescimento na ADE, nossa meta para o próximo ano é focar nas habilidades que o aluno demonstrou mais dificuldade e assim evitar erros recorrentes”, explicou Nubia Breves, chefe da DAM.

A DEF apresentou as habilidades de Língua Portuguesa e Matemática que deverão ser estudada nos anos de 1º ao 9º em 2018, de acordo com a aceitação dos assessores pedagógicos. “No início do ano a escola passa por um período de sondagem,  no qual se verifica a aprendizagem do aluno e, a partir disso, o professor elabora o planejamento para o ano todo com as habilidades que deve ser trabalhada e agora nós vamos apresentar o resultado aos assessores”, disse Suely da Silva, chefe da DEF.

 

Texto: Érica Marinho

Fotos: Lton Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054