04/04/20 | 16:52
Psicóloga também irá somar às estratégias da Semed para trabalhar saúde emocional dos servidores por meio de lives

Mais uma profissional somará à estratégia desenvolvida, pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), para trabalhar a saúde emocional e o controle pessoal dos servidores, em virtude do momento de isolamento e alerta que o Amazonas e o mundo estão vivendo por conta da Covid-19.

Ação se trata de uma série de lives feitas também pela psicóloga Nazaré Mussa. A primeira acontecerá,  na próxima terça-feira, 07/4,  a partir das 18h. As outras serão transmitidas todas as sextas-feiras até o fim de abril, sempre das 18h às 18h30. As lives serão exibidas pelo instagram da profissional,  www.instagram.com/nazaremussa.

A primeira profissional também a desenvolver conteúdo digital, por meio de lives, para servidores da rede municipal de ensino de Manaus foi a master coach, Cybele Montere, que iniciou, no último dia 1° e segue até o dia 15 deste mês, com a maratona “Coaching na Educação”, das 19h30 às 20h30, no perfil dela do instagram, www.instagram.com/dra.cybele.mastercoach.

As lives são dirigidas a todos os servidores da rede municipal de ensino, em especial professores, gestores, assessores pedagógicos, pedagogos e demais pessoas que estão  envolvidas no processo de ensino dos alunos atendidos pela Semed.

A atividade é promovida pelo Departamento Geral dos Distritos (Degd) e coordenada pelo  Núcleo de Parcerias Institucionais (Nupi) da Semed, que visa fomentar parcerias firmadas para  contribuir com práticas positivas às ações já realizadas pela rede municipal.

A assessora técnica do Nupi, Amanda Melo, explicou que ideia da Semed, com as lives, é cuidar da saúde emocional nesse momento de isolamento social.

“A secretaria se preocupa com o seu servidor e entende que neste período de isolamento ele precisa cuidar da sua saúde mental, emocional e ser acolhido. Por isso, pensamos nessas lives”, explicou.

Nas lives, serão  desenvolvidas questões  como  alto controle, maneiras de manter a tranquilidade e como evitar o pânico  em meio a pandemia que assola o país e mundo , ou seja, nas lives os servidores aprenderão a evitar o  medo exagerado e descontrolado nesse período de isolamento social , segundo a psicóloga Nazaré Mussa. E ela reforçou que, neste momento, é preciso de fato ter esse alto controle.

“Desde que o mundo é mundo, as pessoas têm medo e o medo ajuda, de certa forma, a controlar os impulsos de uma pessoa. Porém, neste momento de pandemia, algumas pessoas estão com o nível de ansiedade exagerado, com estresse acima do aceitável e, portanto, além desse medo exagerado, as pessoas estão desenvolvendo o pânico. E, tudo isso, faz mal para a qualidade de vida das pessoas, que já está comprometida por conta do isolamento social”, explicou.

Ao longo das lives serão trabalhados também aspectos do estresse, como lidar com a questão do medo do desconhecido e o equilíbrio emocional por conta do momento causado pelo novo coronavírus. Outra coisa interessante é que durante os encontros virtuais os internautas terão espaço para esclarecer dúvidas, fazer perguntas e interagir com a psicóloga.

 

 

 

 

Texto: Emerson Santos

Fotos: Divulgação e Cleomir Santos/ Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054