06/03/15 | 16:53
Projeto Coletivos Educadores inicia turma formada por servidores da Semed

O Projeto Coletivos Educadores desenvolvido pelo Ministério do Meio Ambiente, tendo a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) como proponente em Manaus, está capacitando os servidores e voluntários que atuam nas quatro Ocas do Conhecimento administradas pela Secretaria Municipal de Educação (Semed) e por parceiros.

 

As Ocas são espaços informais de educação ambiental construídos por infratores ambientais por determinação da Vara Especializada do Meio Ambiente e de Questões Agrárias (Vemaqa), do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM).

 

As atividades da turma, com aproximadamente 15 integrantes, tiveram início nesta sexta-feira, 6, com técnicos da Semmas repassado informações sobre a legislação ambiental de áreas protegidas, unidades de conservação e de áreas verdes. Até o fim deste mês, haverá aulas sobre cidadania e meio ambiente, fiscalização ambiental, termo de ajustamento de conduta, dados relevantes do aterro sanitário, realidade e perspectivas sobre resíduos sólidos e mudanças climáticas.

 

Além da Semmas, as aulas são ministradas por técnicos da Vemaqa, Secretaria Municipal de Limpeza Pública (Semulsp) e Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. No mês de abril, os participantes desenvolverão projetos de educação ambiental nas Ocas onde atuam. A estimativa é atingir um público de pelo menos mil pessoas. Se os projetos forem bem desenvolvidos, os participantes receberão certificados.

 

“As Ocas estão inseridas próximas de áreas verdes e esse é o público que queremos atingir e, assim, conscientizá-los para preservarem essas áreas”, disse Alessandro Sampaio, técnico da Divisão de Educação Ambiental da Semmas.

 

As Acas da Semed estão localizadas na comunidade Cidade do Leste, no bairro Grande Vitória, outra no Nova Cidade, na zona Norte, a terceira está localizada na comunidade Bela Vista, no bairro Puraquequara, zona Leste, e a quarta está localizada no Centro de Instrução de Guerra da Selva (Cigs), no São Jorge, zona Oeste. Esta última tem gestão compartilhada com o Cigs.

 

“Precisamos nos atualizar para melhorar o trabalho que desenvolvemos junto à comunidade onde estamos inseridos”,avaliou Gina Gama, coordenadora geral das Ocas da Semed.

 

TEXTO: Cleidimar Pedroso

FOTOS: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054