15/12/17 | 16:29
Professores da Semed recebem reconhecimento na etapa estadual do Prêmio Professores do Brasil

Professores da rede pública de ensino foram premiados no 10º Prêmio Professores do Brasil – Etapa Estadual, realizado na manhã desta sexta-feira, 15/12, no auditório da Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM). Com 16 professores participando, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) teve sete educadores escolhidos como destaque por seus trabalhos relevantes. O prêmio é uma realização do Ministério da Educação (MEC), em parceria com Conselho Nacional de Secretários da Educação (Consed) e União Nacional dos Dirigentes Nacionais de Educação (Undime/AM).

Foram premiados professores nas categorias Creche, Educação Infantil, Ensino Fundamental anos Iniciais e Finais e Ensino Médio. O objetivo do prêmio é reconhecer o trabalho de professores de escolas públicas de Educação Básica que contribuem para a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem.

A chefe da Divisão de Apoio à Gestão Escolar (Dage) Jussara Marques, representou a secretária Kátia Schweickardt e destacou que as atividades da rede de ensino que participaram da premiação mostram o resultado do trabalho pedagógico com os alunos nas escolas.

“Quantos trabalhos ao longo do tempo são executados e operacionalizados e não há esse reconhecimento? Essas atividades mudam a vida das pessoas e isso não tem preço. Essa iniciativa é fantástica, porque parabeniza, incentiva esse profissional a fazer cada vez mais e melhor”, explicou.

A coordenadora do prêmio na etapa Estadual, Andrea Bandeira, ressaltou sobre a importância do premio aos educadores. “A meta do premio é divulgar, realizar e valorizar práticas exitosas pelos professores em sala de aula. Esses trabalhos são divulgados pelo MEC para todo o país”.

Premiados

A professora Maurinéia Garcia da Silva, do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Heliodoro Balbi, no bairro Santa Etelvina, zona Norte, foi um dos destaques na modalidade com projeto “Os Pequeninos Cuidando da Saúde Desde a Infância”. Ela disse que foi uma honra a premiação, pois representa o reconhecimento do trabalho realizado com as 40 crianças do 2º período da escola.

“Nós trabalhamos um tema que existe na grade da Educação Infantil, que é o IMC. A partir daí trabalhamos a matemática em relação a alimentação saudável das crianças, mudando esse hábito alimentar de comer lanche pouco nutricionais como bolachas recheadas, sucos de caixinhas e refrigerante”, completou.

A Escola Municipal Martinha Correa dos Santos, bairro Mundo Novo, Zona Sul, foi destaque nos anos iniciais do Ensino Fundamental com o projeto “As peripécias de um papagaio – uma anedota interessante com as tecnologias na sala de aula”. Para professora Raquel Moraes Munhoz, é gratificante a premiação do trabalho, realizado com 23 alunos do 5º ano, sendo dois autistas.

“No inicio as crianças estavam com muita dificuldade na parte de língua portuguesa e interpretação de textos. A partir dessas atividades diferenciadas com eles, comecei a perceber a melhoria nos índices da prova da ADE, com média em sala de aula de 5,0 pulou para 7,6 e 7,8”, comemorou.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

Fotos: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054