10/09/15 | 14:08
Professores compartilham experiências para aprimoramento das práticas em sala de aula

II Encontro de saberes. Aud. Livraria Paulus. Fotos Cleomir (1)Com o intuito de trocar experiências para aprimorar as práticas pedagógicas, professores do 5º ano do Ensino Fundamental das escolas municipais da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul se reuniram no auditório da livraria Paulos, no Centro de Manaus.

Cerca de 40 docentes participaram da atividade. No encontro, cada um expôs suas técnicas de ensino para os colegas. Divididos em temas, os debates geraram longas discussões.

De acordo com a coordenadora pedagógica da DDZ Sul, Alina Bindá, esse foi a segundo encontro do ano e foi idealizado por entender que diante dos debates, surgem novas ideias para a prática pedagógica.

“O nosso objetivo é estabelecer entre os professores a ideia de como desenvolver na escola um aprendizado qualificado. Trouxemos os pares para socializarem práticas que facilitam e trazem luz para um melhor desenvolvimento do ensino e aprendizagem na sala de aula. Cremos que a interação melhore o processo. Eles trouxeram ideias que podem ajudar os colegas”, explicou.

II Encontro de saberes. Aud. Livraria Paulus. Fotos Cleomir (2)O professor Manoel Marinho, da Escola Municipal Izabel Angarita, compartilhou como conseguiu erradicar a indisciplina dos seus alunos em sala de aula. Ele ensinou que a melhor maneira é dando exemplos que façam o aluno refletir suas atitudes e apresentar as consequências de seus atos.

“Eu sou filósofo e fui militar. A indisciplina é um problema grave que atrapalha a aprendizagem dos alunos. A forma de disciplinar não é a arcaica de cobrança e opressão. É justamente o inverso. Eu mostro para eles o que é o melhor e não preciso dar ordem. Eu peço e eles fazem. O aluno sabe o que é certo e errado”, ensinou.

Para a professora Denise Maia, que leciona na Escola Professor Mario José da Luz, a troca de experiências sempre é bastante relevante.

“Eu acredito que é muito proveitoso em virtude da socialização dos saberes. Geralmente nesses eventos encontramos métodos e práticas que podem ser usadas em sala de aula. No nosso último encontro, eu usei muita coisa na escola, como metodologia, uso de gêneros textuais, como trabalhar os descritores”, disse.

Texto: Thiago Botelho
Fotos: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054