15/08/13 | 18:03
Prefeitura reinaugura escola Paulo Graça

Salas climatizadas, kits escolares, laboratório de ciências, refeitório, banheiros adaptados, e um cardápio com alimentação balanceada e saudável. Este cenário ideal para que se possa proporcionar educação de qualidade e conforto, agora está pronto para estudantes, para professores e colaboradores na Escola Municipal Professor Paulo Graça. A unidade de ensino, que fica no Parque das Laranjeiras, foi entregue totalmente repaginada e entregue com ]as salas climatizadas, maior reivindicação de alunos e professores, nesta quinta-feira, 15.

A reforma durou cerca de dois meses e a escola conta agora com 12 salas de aula refrigeradas, Telecentro, e toda a infraestrutura para atender aos 771 alunos de 2º ao 9º ano da instituição, nos turnos matutino e vespertino. A solenidade de reinauguração da escola contou com presença do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e do secretário de Educação (Semed), Pauderney Avelino, além de alunos e comunitários. Os estudantes receberam das mãos de Arthur os kits escolares.

Segundo o diretor da unidade, Jocelim Oliveira, ao ver a escola pronta ficou com os ânimos renovados. “Melhorou muito nossa escola. Além do visual novo com a pintura, o fato dos condicionadores de ar de todas as salas estarem funcionando já é uma grande vitória”, disse.

Sensação compartilhada pela dona de casa Letícia Lacerda, mãe da aluna Camille Vitória: “Minha filha sempre reclamava do calor, mas agora, pelo que vi, todos os ares-condicionados foram trocados e estão funcionando”, observou.

“A escola está linda. Toda vez que faço uma inauguração ou reinauguração de escola fico emocionado porque sei que nenhum problema social se resolve sem educação. Por isso, a educação é a prioridade para nós. Quem estuda tem mais saúde, possibilidade de acesso a bons empregos e consequentemente qualidade de vida”, falou.

Almoço

Antes da solenidade de reinauguração da escola começar, o secretário Pauderney Avelino almoçou com os alunos. No cardápio tinha carne guisada, arroz, feijão, macarrão e farofa, além de banana como sobremesa. “Está uma delícia. É melhor do que comer restaurante”, disse a aluna Ádria Ferreira, do 5º ano.