21/07/21 | 14:46
Prefeitura realiza premiação do concurso de produção textual ‘Super Escritores’ com alunos da DDZ Sul

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), realizou nesta terça-feira, 20/7, na escola municipal André Vidal de Araújo, zona Centro-Sul, a premiação do Concurso de Produção Textual “Super Escritores”, que ocorreu de 17 a 28 de junho. A ação teve como objetivo desenvolver as habilidades de leitura, escrita e a capacidade criadora, através da construção de vivências significativas no processo de ensino e aprendizagem no componente curricular de Língua Portuguesa dos alunos do 2º, 5º e 9º anos do ensino fundamental das escolas da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul.

A solenidade contou com a participação do subsecretário de Gestão Educacional, professor Carlos Guedelha; do diretor do Departamento Geral dos Distritos (DGD), professor Júnior Mar; gestores, professores, alunos e pais ou responsáveis, além do poeta amazonense Tenório Telles. 

Segundo o subsecretário Carlos Guedelha, a função da escola é formar leitores e escritores competentes. “Não existe cidadania plena sem o acesso ao mundo da leitura. Desse modo, a escola deve criar situações reais de leitura e produção de texto, então um evento como esse muito vem contribuir para que o aluno se desenvolva, porque nós nos envolvemos em sociedade por meio de textos e, quando desenvolvemos a textualidade dos alunos, consequentemente desenvolvemos a cidadania, e esse é o nosso objetivo na gestão do prefeito David Almeida”, enfatizou.

A chefe da DDZ Sul, professora Jecicleide Nascimento, comentou sobre o êxito do concurso. “Estamos bastante satisfeitos e alegres com essa premiação, principalmente ao ver a felicidade dos alunos e dos seus pais, e saber que estamos tendo reconhecimento dos professores e gestores por um trabalho que está contribuindo para o aprendizado e a formação de cidadãos e, quem sabe, futuros escritores”, completou.

Vencedores
Entre os concorrentes do 2° ano, a aluna Ana Geovana Pereira, 7, da escola municipal Sebastião Padre Puga, garantiu o primeiro lugar, com a produção de um cartaz sobre a “Pandemia da Covid-19”. Já na categoria 5° ano, foi o estudante José Murillo Lopes, 11, da escola municipal Izabel Angarita, com a produção textual sobre o trabalho infantil.  Entre os candidatos do 9° ano, o ganhador foi o aluno Walmir Moraes, 16, da escola municipal Antônio Matias Fernandes, que elaborou o texto “O efeito dos memes”. Os ganhadores foram premiados com medalhas, certificados e troféus.

“Essa premiação é muito importante para mim, porque eu vou me dedicar ainda mais aos estudos, não somente em português, mas em outras matérias, sendo um grande incentivo para o início do meu ensino médio”, destacou o aluno Walmir Moraes.

Homenagens
O poeta convidado, Tenório Telles, foi homenageado pela sua contribuição à literatura amazonense e houve a entrega de certificados de honra ao mérito aos gestores das 24 escolas participantes do concurso. 

“Estou muito contente em participar desse evento e tenho certeza de que muitas crianças, que participaram deste projeto, vão despertar seu interesse pela leitura, livros e escrita e, possivelmente, vão se encantar com as palavras, e poderão no futuro se tornar escritores para ajudar a literatura da nossa terra”, pontuou Telles.

— — —

Texto – Andrew Ericles / Semed

Fotos – Eliton Santos / Semed