17/12/10 | 12:00
Prefeito realiza Tributo ao Educador

A Prefeitura de Manaus criticou a rapidez com que o Congresso Nacional votou o aumento de salário para os parlamentares e disse que gostaria de ver o mesmo empenho para melhorar a situação dos professores do Brasil. “Ninguém procura efetivamente neste país buscar uma solução clara e definitiva para resolver a situação do professor. Sabemos que o ensino é deficitário, mas sabemos também que isso decorre da política salarial que não faz justiça a todas as responsabilidades do educador, e que tão pouco pode remeter o professor a uma dedicação exclusiva para ter todas as condições para construir o futuro de um povo”, disse.

A declaração foi durante a homenagem nesta sexta-feira (17) aos aposentados da rede municipal de educação, que ocorreu no auditório João de Mendonça Furtado, localizado nas dependências da sede do poder público municipal, no bairro Compensa, zona Oeste da cidade.

A homenagem de hoje, intitulada Tributo ao Educador, reuniu professores e técnicos administrativos aposentados da rede municipal de ensino. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), a Prefeitura de Manaus bateu recorde no número de aposentadorias este ano no setor da educação: 327 servidores, todos presentes à homenagem.

Com 33 anos de atividades na Semed, o agora aposentado, Luiz Carlos Abecassis, aprovou a homenagem e disse que se sentiu muito gratificado. Segundo o aposentado, ele deixa sua atividade profissional em um momento em que o servidor está sendo valorizado. “Tivemos um ano importante com a realização de ações e eventos que prestigiaram a comunidade dos educadores e isso é muito importante para todos nós”, afirmou.

Processo de aposentadoria

O subsecretário municipal de Educação, Luís Fabian, lembrou que existiam muitos processos de aposentadoria parados e ao dar continuidade à política de valorização do servidor a Secretaria fecha o ano com 327 aposentadorias, sendo 270 de professores e 57 do setor administrativo. “Esse número é um recorde histórico, nunca antes no município de Manaus se processou tantas aposentadorias na Semed”, explicou.

Presente ao evento, a diretora-presidente do Fundo Único de Previdência do Município de Manaus (ManausPrev), Danielle Leite, explicou que a grande dificuldade para processar as aposentadorias era ligada às documentações necessárias. Ela destaca que o papel da ManausPrev é orientar o servidor para que ele possa ter o seu processo de aposentadoria de forma mais rápida sem muitas complicações.

A diretora enfatizou que o ManausPrev possui o programa vitalidade que oferece diversas atividades para que os aposentados possam interagir. “Temos diversos cursos, passeios e eventos durante todo o ano, pois aposentadoria não representa o fim e sim o início de uma nova fase”, finalizou.

Durante o evento se apresentaram o coral de idosos do ManausPrev e a orquestra de cordas da Semed.

Secretaria Municipal de Comunicação – Semcom

Contato: 3625-6908

semcom@pmm.am.gov.br

Reportagem: Ulysses Marcondes

ulysses.marcondes@pmm.am.gov.br