15/08/17 | 16:08
Novos conselheiros municipais tomam posse para o biênio 2017/2019

Na manhã desta terça-feira, 15/8, tomaram posse os nove novos membros titulares e nove suplentes do Conselho Municipal de Educação (CME), para o biênio 2017/2019. A programação contou com a presença dos subsecretários de Administração e Finanças, Bruno Guimarães da Silva e Gestão Educacional, Euzeni Trajano, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), além de representantes de escolas públicas, privadas e movimentos da sociedade civil organizada.

A subsecretária de Gestão Educacional, professora Euzeni Trajano, que representou a secretária municipal de Educação, Kátia Schweickardt, parabenizou os novos conselheiros, e destacou a importância do conselho na busca de uma política pública educacional com mais qualidade.

“O conselho, como órgão colegiado e representante de fato da sociedade civil, precisa estabelecer essa parceria muito forte com a Semed. Sabemos da importância que é trabalharmos de forma conjunta”, contou.

A ex-presidente do CME e coordenadora da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME), Maria das Graças Alves Cascais, foi reconduzida como conselheira e destacou que o trabalho de todos os conselheiros é fundamental para o processo de uma educação melhor.

“Esse momento é muito importante, porque temos a presença tanto de órgãos de governos, como sociedade civil organizada, movimentos sociais, que juntos formam o colegiado, onde vão discutir e regulamentar as políticas públicas para o sistema municipal de ensino de Manaus”, explicou.

Novos conselheiros

O presidente da União Municipal dos Estudantes Secundaristas de Manaus (Umes), João Victor Cascais, afirmou que é uma honra assumir uma das vagas de conselheiro e falou sobre os próximos passos dentro da entidade.

“Nosso movimento tem como objetivo principal lutar pelos direitos dos estudantes. Acredito que o conselho é uma forma importante para estarmos pautando melhoria nas escolas do município de Manaus”, disse.

Um dos membros da diretoria do Sindicato das Escolas Privadas do Estado do Amazonas (Sinepe), Firmino Alves Campelo, é outro membro novato. Ele falou sobre o que espera na nova função.

“Minha expectativa é que o conselho continue fazendo seu trabalho de fiscalização, orientação, credenciamento e autorização de escolas tanto privadas quanto públicas do município de Manaus”, comemorou.

Nesta quinta-feira, 17/8, acontecerá a reunião ordinária do CME para o biênio 2017/2019, em que serão eleitos os novos presidentes e vice-presidentes da entidade.

O conselho

O Conselho Municipal de Educação é um órgão colegiado representativo da comunidade, integrante do Sistema Municipal de Ensino, vinculado à Secretaria Municipal de Educação e subordinado ao Chefe do Poder Executivo Municipal. Criado pela Lei Municipal n. 377 de 18 de dezembro de 1996, alterada, pelas Leis Municipais n. 528 de 07 de abril de 2000 n. 1.107 de 30 de março de 2007.

O CME tem a função consultiva, mobilizadora, fiscalizadora e deliberativa, com competência normativa, constituindo-se em instrumento mediador entre a Sociedade Civil e o poder Público Municipal na discussão, elaboração e implementação das Políticas Municipais de Educação.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

Fotos: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054