01/10/12 | 16:06
Mostra de Artes do CMEI Renata Holanda

Contação de histórias infantis e mostra do trabalho desenvolvido em sala de aula ao longo do ano letivo com diversos temas baseados nos Projetos “Quem canta um conto encanta” e “Aprendendo e brincando com a música”, assim pode ser definido a 4ª Mostra de Artes do CMEI Professora Renata Holanda de Souza Gonçalves, bairro Mundo Novo, Zona Leste. O evento foi realizado na última sexta-feira, 28, e contou com a participação de pais, responsáveis, professores e educadores que trabalham com os alunos da escola.

A ação retratou os resultados obtidos na realização dos dois projetos, em que os 580 alunos da educação infantil se envolveram em várias atividades com histórias que passavam mensagens positivas, dentre elas: sabedoria, obediência, amor, paz, dedicação, autoestima, confiança, enfim conceitos fundamentais para a formação de um bom cidadão.

A mostra foi dividida em dois momentos: a primeira os professores contaram as histórias “A galinha xadrez”, “ As palavras mágicas”, “No reino das fadas coloridas”, “ O sapo que desejava as alturas”, “ A vida de Jonas”, entre outros que foram apresentadas nas dependências da unidade educacional. Na segunda parte as histórias foram contadas pelas próprias crianças em sala de aula aos pais e responsáveis que acompanharam a programação. 

A programação ainda contou com o momento de autógrafos por ocasião da entrega de um livrinho idealizado por uma turma da escola alusivo aos trabalhos feitos em sala de aula. Segundo a pedagoga e coordenadora dos dois projetos desenvolvidos com os alunos, Greice Santos, o aprendizado nas mensagens das histórias infantis estão sendo assimiladas muito bem pelas crianças.

“Temos percebido que nossos alunos tem desenvolvido a questão da percepção, oralidade e da própria leitura e dos valores aprendidos em que cada tema tem um conceito que pode ser aproveitado. As salas são temáticas e cada uma trabalha uma história que visam um princípio moral que serão agregados ao caráter e personalidade dos alunos”, contou.

O Policial Militar, Marcos Ferreira de Carvalho, 30, é pai do aluno do 2º período Alexsander Lima de Carvalho, 5, do turno matutino. O genitor aproveitou sua folga para acompanhar seu filho que declamou uma poesia sobre a “Vida de Jonas” e enalteceu o trabalho realizado pela escola com a preocupação educacional com todos os alunos.

“Todos estão de parabéns, porque as crianças desde pequenos já ficam sabendo de valores que são importantes quando eles (alunos) forem adultos. Gostaria de dizer que aqui é um exemplo para as outras escolas que poderiam seguir esse mesmo procedimento”, finalizou.A Professora Maria do Socorro da Silva trabalha com dois projetos na escola e diz que o foco dela foi a família, que é um ponto fundamental para todas as crianças.

“A escola não caminha sozinha e necessita do apoio familiar. Dentro dos projetos foram trabalhadas ações voltadas para a cidadania, dessa forma todos caminham juntos para  se formar futuros cidadãos”, comentou.