29/07/19 | 17:17
Mais de 400 alunos são envolvidos em programações de tecnologia, ciências e meio ambiente de escola no Centro da cidade

Mais de 400 alunos da Escola Municipal Sagrado Coração de Jesus, no Centro da cidade, tiveram programações especiais que envolveram tecnologia, ciência e meio ambiente, na tarde desta segunda-feira, 29/07. A atividade contou também com a presença de comunitários e pais dos estudantes.

Fez parte da programação a feira de ciências da unidade de ensino, que abordou a  temas sobre ciência, educação e tecnologia; o Scratch Day e a formatura do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd).

Segundo o gestor da unidade, Carlos Sales, a programação foi escolhida pelo corpo de docentes da escola  e foi motivada em  virtude da escolha da temática da feira de ciências.

“O  objetivo da programação é  mostrar para nossa comunidade escolar, para pais de alunos tudo aquilo que a gente vem  realizando com filhos deles  durante o primeiro semestre de 2019”, explicou.

A feira de ciências, realizada em três salas de aulas, foi trabalhada com alunos do bloco pedagógico (1° ao 3° ano do Ensino Fundamental),  estimulou e mobilizou a comunidade escolar sobre o cuidado com meio ambiente, bem como abordou aspectos de tecnologia na atualidade. Na atividade,  foram utilizadas faixas ilustrativas, murais, explicações e aparatos tecnológicos para abordar as respectivas  temáticas.

Segundo a aluna do 1º ano do Ensino Fundamental, Pyetra Souza, de 6 anos, a feira de ciências foi divertida. “O que mais gostei foi dos  jogos, mas tudo estava bem divertido e legal para aprender”, ressaltou.

Já o Scratch Day envolveu alunos, entre 6  e 12 anos, da Educação Infantil ao 5° ano do Ensino Fundamental. Diferentes de outras unidades, o Scratch da  unidade de ensino envolveu pais de alunos na atividade. O evento se trata de uma  ferramenta que ensina aspectos de  linguagem gráfica de programação.

Nele, alunos do 4º ano do Ensino Fundamental,  que conhecem mais o Scratch Day, foram monitores durante a ação e ensinaram os colegas e pais de alunos.

O Scratch Day também se   trata de um evento global que tem a finalidade de celebrar o Scratch (Linguagem de Programação Visual) e reúne pessoas ao redor do mundo para somar conhecimentos, inventar e reinventar diferentes projetos e aprender novas técnicas. A ferramenta propicia a criação de histórias animadas e interativas, além de jogos, simulações e músicas. O software é  voltado a adolescentes e crianças a partir de 8 anos.

O evento contemplou, ainda, alunos da Educação Infantil, mais especificamente alunos do 2º período, no Scratch Day Junior.

A ação de programação visual da unidade de ensino também  faz parte do 2º circuito Scratch Day da Divisão Distrital Zonal Sul (DDZ Sul), que em 2019 está envolvendo 20 escolas que possuem telecentro e que trabalham as modalidades de ensino da Educação Infantil e Ensino Fundamental 1 e 2.

“Eu achei muito interessante e aprendi algumas coisas”, destacou o carpinteiro Maxwell da  Silva, que foi monitorado pela sua própria filha, a aluna Ana Conceição, de 10 anos, do 4º ano.

Ainda na tarde desta segunda-feira, aconteceu a cerimônia de formatura 70 alunos do 5º ano do Ensino Fundamental, no Proerd, que receberam   certificados pela conclusão do curso  iniciado em  abril e dividido em encontros semanais e  10 lições de ensino.

Para aluno do 5º ano Person Matos, de 10 anos, o Proerd é  importante, porque ensina valores para vida, para que possa se tornar uma pessoa melhor. Segundo Person, o curso será algo inesquecível.

“O programa estimula as pessoas não usarem drogas, não serem violentas, respeitar os outros, ou seja, ser uma pessoa boa. Para mim foi bem importante”, destacou.

 

Texto: Emerson Felipe

Fotos: Eliton Santos/Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054