07/04/15 | 16:00
Mais de 2 mil professores de alunos no Bloco Pedagógico passarão por formação continuada

Mais de dois mil professores do 1º ao 3º ano do Ensino Fundamental da Secretaria Municipal de Educação (Semed), iniciaram nesta segunda-feira (6), a Formação Continuada de 2015, na Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM). A qualificação ocorrerá até a segunda quinzena de novembro, com um total de seis encontros no ano, sendo uma vez por mês para as sete Divisões Distritais Zonais (DDZs) da secretaria.

A formação visa atender as 344 escolas municipais prioritárias e os professores com Horário de Trabalho Pedagógico (HTP), que trabalham com o Bloco Pedagógico. As unidades de ensino do município foram indicadas pelo Instituto Aquila, conforme Avaliação de Desempenho Escolar (ADE) e o nível de proficiência (aprendizagem) dos alunos de rede de ensino.

Com objetivo de propor vivências com as diversas áreas do conhecimento em uma perspectiva do letramento a partir dos fundamentos didático-pedagógicos, a formação para os educadores das DDZs Sul e Oeste iniciou nesta segunda-feira (6) e vai até quarta-feira, 8. Já os professores das DDZs Norte, Centro-Sul e Rodoviária será dias 13, 14 e 22 de abril, enquanto para as DDZs Leste 1 e Leste 2 ocorrerão de 27 a 29 deste mês.

Para a coordenadora pedagógica das formações do 1º ao 5º ano da DDPM, Rita Esther de Luna, a reunião com os educadores visa justamente aprimorar os conhecimentos sobre uma melhor prática do processo de ensino aprendizagem.

“Nossa intenção é propor vivências didáticas, pedagógicas e conceituais, para que os professores possam resignificar as práticas pedagógicas. Nós temos que proporcionar uma formação para que o educador possa entender como organizar uma sequência didática, como articular um plano de trabalho pedagógico para estabelecer relações não apenas teóricas, mas, a partir da experiência dele, para o processo mais eficaz e eficiente em sala de aula”, comentou.

A Escola Municipal Anastácio Assunção, bairro São Lázaro, zona Sul, é uma das unidades prioritárias e conta com um total de 160 alunos, entre do bloco pedagógico e do 2º ano. Para a professora Sabrina Prado, qualquer orientação é importante para a melhoria da aprendizagem.

“São ações voltadas para um ensino de melhor qualidade, na qual possa trazer o aluno para um aprendizado de qualidade e que envolve várias metodologias benéficas à comunidade escolar. O suporte dado nesse encontro proporciona várias ideias, onde o professor vai com um leque de sugestões e ações para se programar em sala de aula”, salientou.

A professora Ana Glaucia, da Escola Municipal Graziela Ribeiro, bairro Lagoa Verde, também aproveita as informações da formação para visualizar de como vai colocar em prática com os alunos do 2º ano.

“Tudo que vem para somar na educação é benéfico. Os professores são capacitados e tudo isso é um aprendizado bom para por em sala de aula, pois é o que levamos de bom nessa formação. Vou melhorar os projetos na escola, a didática em sala de aula, melhorar o suporte com os alunos e pais, assim como aulas mais diversificadas, interativas e que possam chamar mais atenção da comunidade escolar”, comentou.

Texto: Paulo Rogério Veiga
Fotos: Augusto Vieira

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054