26/08/14 | 12:27
Jogos inclusivos vão reunir mais de dois mil alunos

Mais de dois mil alunos com deficiência, de 33 delegações, participarão da 3ª edição dos Jogos Adaptados André Vidal (Jaavas), até o dia 30 de agosto. A solenidade de abertura do evento inclusivo, que é promovido pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), aconteceu na noite desta segunda feira, 25, no Clube do Trabalhador (Sesi), na alameda Cosme Ferreira, Coroado, zona Leste.

Durante a cerimônia, houve desfile de escolas, acendimento da pira Olímpica, apresentações de alunos do Complexo Municipal de Educação Especial (CMEE) André Vidal de Araújo e instituições participantes. Os mais de dois mil atletas disputarão 37 modalidades esportivas e atividades adaptadas. Entre os participantes estão a Associação de Amigos Autistas do Amazonas (AMA) e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), de Iranduba.

O Jaavas tem como proposta mobilizar a comunidade educativa, que trabalha com alunos com deficiência, oferecendo atividades lúdicas e esportivas que possibilitem o desenvolvimento nos aspectos cognitivo, motor, afetivo e social de alunos com deficiência.

As modalidades disponíveis nesta edição são: basquetebol, voleibol, futsal, natação, goal bol, bocha, corrida sobre banco sueco, atletismo, tênis de mesa, queimada, entre outras.

Os jogos serão sediados no Complexo Municipal de Educação Especial André Vidal de Araújo, na Creche Municipal Magdalena Arce Daou, no Clube do Trabalhador (Sesi), Apae, na Faculdade de Educação Física  e Fisioterapia da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e Vila Olímpica de Manaus.

O secretário municipal de educação, Humberto Michiles, disse que atividades como o Jaavas devem ser ampliadas dentro da secretaria. “Iniciativas como esta devem ser cada vez mais fortalecidas, pois é a a partir delas que oferecemos momentos únicos a essas pessoas. Com isso, oportunizamos entretenimento, diversão e interação, por exemplo”.

O secretário destacou ainda sua satisfação com o grande número de participantes no evento. “Estamos felizes com a quantidade de pessoas que vão participar nesta edição. São mais de duas mil. Isso prova que as pessoas reconhecem a importância deste evento que está ampliando a cada ano”.

O público-alvo da atividade são pessoas com deficiência intelectual, síndrome de autismo, deficientes visuais, deficientes auditivos e com
paralisia cerebral.

A coordenadora do Jaavas, Shirley Amaral, mencionou as conquistas alcançadas com a realização dos jogos. “Com o Jaavas, percebemos que nossos professores estão buscando qualificação para trabalhar com os alunos com deficiência. Percebemos também que nossos alunos estão mais motivados e, principalmente, inseridos na sociedade. Isso nos deixa felizes e dispostos ainda mais para continuar com esse trabalho”, disse Shirley.

O Jaavas é destinado a todos os estabelecimentos de ensino da rede municipal, filantrópica e particular de Manaus e aos municípios que compõem o Estado.

A secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh) e primeira dama, Goreth Garcia, esteve presente na cerimônia de abertura. “É realmente um trabalho sério e louvável desenvolvido no município com as pessoas que têm deficiência”, destacou.

A gerente de Educação Especial da Semed, Reni Formiga, disse ainda que “um evento como este representa às pessoas com deficiência a oportunidade de se sentirem importantes, valorizadas e, sobretudo, parte de uma sociedade que às vezes não entende que pessoas com deficiência têm e merecem o mesmo direito e respeito que todos”.

 

Texto: Emerson Felipe

Fotos: Lton Santos/Semed

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054