09/11/16 | 11:09
Gestores do ensino noturno fazem balanço sobre resultados obtidos no ano

XII Encontro de diretores do ensino noturno. EDEN Aud. Semed. Fotos Cleomir (8)Educadores do ensino noturno da rede municipal de educação reuniram-se, na noite desta terça-feira, 8, para apresentar os resultados alcançados no ano de letivo de 2016, por meio de ações e estratégias de gestão escolar. O evento aconteceu  no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e reuniu gestores, professores, assessores pedagógicos e outros profissionais do magistério.

O Encontro de Diretores do Ensino Noturno (EDEN) é realizado desde 2011, pela Gerência de Educação de Jovens e Adultos (GEJA), da Semed e este ano contou com a palestra da diretora do Departamento de Gestão Educacional (DEG) da Semed, Marcionília Bessa, que trouxe aos educadores o tema “EJA: Projeto de Aprendizagem ao longo da vida ou para o mundo de trabalho”. Objetivo da discussão foi mostrar aos gestores o quanto é importante conhecerem a realidade e vida dos estudantes do noturno, para ajudar a manter esses estudantes nas escolas.

A subsecretária de gestão educacional, Euzeni Trajano, destacou que o evento é uma estratégia da secretaria para fortalecer e motivar o gestor do ensino noturno. “Este encontro pretendo fazer algumas reflexões, mostrar alguns caminhos e estratégias de gestão, voltadas para o noturno”, enfatizou.

XII Encontro de diretores do ensino noturno. EDEN Aud. Semed. Fotos Cleomir (31)Geise Roque, gestora da Escola Municipal Marly Barbosa Garganta, destacou que o encontro promove uma gestão participativa e momento de troca de experiência. “O evento é importante para nos mantermos a informados sobre os processos inovadores do ensino noturno e, sobretudo, para ouvirmos e conhecemos a realidade e as práticas exitosas de nossos colegas gestores”, disse.

Durante a atividade houve relatos de experiências das escolas destaques do Projeto Circulo de Leitura e Escrita no EJA. Na oportunidade, as mesmas foram homenageadas com troféu e certificados. Além disso, foi feito entregue uma certificação as unidades de ensino inscritas no selo educacional aprediverso 2016.

Atualmente, o ensino noturno está distribuído em 83 escolas, espalhadas nas regiões da cidade; possui cerca de 12 mil alunos matriculados e tem aproximadamente 2.500 educadores em envolvidos no processo da noite. De acordo com o gerente do Geja, Weyder Bindá, o balanço geral do ensino noturno da rede municipal de ensino de 2016 é positivo.

“Se formos falar de números, houve sim mudanças sensíveis. Os resultados são positivos, diante do que era nos últimos três anos, porque houve uma permanência bem maior do estudante na escola”, disse Weyder.

 

Texto: Emerson Felipe

Fotos: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054