20/03/14 | 12:49
Gestores de escolas se reúnem para reduzir evasão escolar no turno da noite

Profissionais do magistério da rede municipal estiveram reunidos, na noite desta quarta-feira, 19, para discutir estratégias que reduzam o abandono escolar no período noturno. O 1º Encontro de Diretores do Ensino Noturno (EDEN), promovido pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), contou com participação de pedagogos, assessores pedagógicos, chefes e gerentes de mais de 70 escolas das Divisões Distritais Zonais da secretaria.  O encontro está na 7ª edição e acontece duas vezes ao ano.

Atualmente, 73 escolas da Semed oferecem turmas no período da noite. São 16 mil alunos na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). A rede municipal atende alunos com idade entre 15 e 85 anos.

O gestor da Escola Municipal João Alfredo, no bairro da Paz, zona Oeste, Carlos Augusto, disse que já implantou na unidade que dirige algumas das ações de sucesso compartilhadas durante o encontro. “O projeto da sexta-feira cultural, para quebrar a rotina das aulas tradicionais e para atrair alunos à escola, é uma das experiências que ouvi no encontro e adaptei na Escola João Alfredo. O encontro é importante para aplicarmos em nossos colégios as experiências exitosas”, disse.

O secretário da Semed, Humberto Michiles, lembrou que há escolas na rede municipal que oferecem a modalidade EJA à noite e que têm índices excepcionais de aprovação e não evasão. “Ao compartilharmos essas nossas experiências, estamos mostrando que é possível fazer um bom trabalho mesmo com os poucos recursos que temos, mesmo com as dificuldades que enfrentamos”, lembrou.

Dentre as experiências trocadas, o professor Weyder Afonso proferiu a palestra “Cultura de paz e solidariedade: Construído o ensino noturno onde todos têm o direito de aprender”.

O gerente da EJA da Semed, Mauro Brito, contou que algumas medidas são estudadas para reduzir a violência nas escolas.  Entres as elas, está a implantação de câmeras de monitoramento do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), em parceria com a Policia Militar, o controle de frequência e bloqueio de carteira estudantil, caso o aluno falte e não apresente justificativa legal, a realização da 2ª edição dos Jogos do Ensino Noturno e a caravana pedagógica, realizada pela segunda vez, para acompanhar in loco as atividades realizadas pelas escolas no turno da noite.

Texto: Cleidimar Pedroso

Foto: Rodemarques Abreu

Assessoria de Comunicação da Semed

Gisa Prazeres – 8842-1188 / 3632-2054