29/08/18 | 14:37
Feira gastronômica ensina alunos de Cmei sobre alimentação saudável

O Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Graziela Ribeiro, no bairro Alvorada, zona Oeste de Manaus, realizou nesta quarta-feira, 29/8, a 9º edição da Feira Gastronômica da unidade, que este ano teve como tema a Copa do Mundo na Rússia e trabalhou os hábitos alimentares e culinária de dez países que participaram do mundial de futebol.

A ‘Feira Gastronômica das Nações’, reuniu aproximadamente 465 alunos, 4 e 5 anos, matriculados no 1º e 2º período da Educação Infantil, que aprenderam um pouco mais sobre a culinária do Brasil, Portugal, Alemanha, Austrália, Egito, Japão, Rússia, Marrocos e México.

O projeto teve início no mês de março e além de professores e alunos, envolveu pais e familiares. Durante esse tempo, os alunos aprenderam sobre hábitos alimentares saudáveis que contribuem na prevenção de doenças e ajudam a melhorar a qualidade de vida.

Os países foram divididos por sala de aula e durante a feira os alunos expuseram o que foi aprendido nesse período. De acordo com a gestora da unidade, Raquel Thomé, a contribuição dos pais foi essencial para o sucesso do evento. “Os pais têm participado e contribuindo bastante. Se envolveram no processo de preparo da alimentação e entenderam que o sucesso do evento se deve muito a essa união, escola e família”.

A professora do 2º período, Fabiane Siqueira, que ficou responsável pelas turmas sobre Marrocos e Portugal, conta que para trabalhar o tema e escolher os países primeiro conversou com os alunos sobre a história da Copa, como se dividem os continentes, até chegar aos países que estariam participando do campeonato.

“Eu iniciei os estudo com os meus alunos falando da história da Copa do Mundo e o país que seria a sede e até como se levou a essa escolha. Estudamos a localização geográfica, número da população, até chegar aos costumes e gastronomia”, explicou.

A Técnica de Eletrônica, Suzimar da Silva, mãe da pequena Suellen Cantizante, 5, disse que ficou surpresa com a organização do evento e com o que a filha aprendeu sobre a alimentação do Japão.

“Eu não conhecia a culinária do Japão, aprendi muita coisa porque a minha filha chegava em casa contando. Pela primeira vez comi sushi e outras comidas que estão expostas dos outros países. E escola está de parabéns pela iniciativa”, elogiou ela.

 

Texto: Érica Marinho

Foto: Divulgação/ Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054