18/12/19 | 10:37
Escolas de Educação Integral promovem momento de conversa com educadores para expor resultados de 2019 e apresentar ações para 2020

Os resultados exitosos e avanços de 2019, bem como as metas e expectativas para 2020 foram apresentados durante o Café de Prosa realizado na tarde desta terça-feira,17/12,  pelas Escolas Municipais Waldir Garcia, localizada no bairro São Geraldo, e  Escola Sérgio Pessoa Figueiredo, localizada no bairro Presidente Vargas, ambas da Divisão Distrital Sul (DDZ Sul). O momento, que aconteceu no auditório da Escola Sérgio Pessoa, contou com a participação de 28 educadores das duas unidades de ensino.

Durante a ação, educadores tiveram a  oportunidade de falar sobre as dificuldades em sala, socializar experiências pedagógicas e falar sobre as expectativas e anseios para o próximo ano. No decorrer da atividade, as principais ações executadas  pelas duas escolas e outras previstas para 2020 foram disseminadas.

Ambas unidades trabalham com Educação Integral e são referências na área a nível nacional e até internacional pelos trabalhos desenvolvidos.

A Escola Municipal Waldir Garcia possui o título de Escola  Transformadora pelo trabalho inovador e dinâmico, recebido da Instituição Ashoka Empreendedores Sociais. Foi a  primeira unidade de ensino público do Norte do país a receber tal destaque. A Escola Municipal Sérgio Pessoa também é uma unidade de referência e, recentemente, recebeu mais um prêmio nacional, desta vez da Fundação Nestlé Brasil, por meio do programa Crianças mais Saudáveis.

A gestora da Escola Waldir Garcia, Lúcia Santos, ressaltou que a unidade tem muito a comemorar em 2019.

“Esse foi um ano muito importante para a Escola Waldir Garcia, porque foi um ano de muitos destaques, que o nosso trabalho foi bastante divulgado, que conseguimos muita atenção. Fomos  convidados  pelo jornal O Globo e Extra para participar do Encontro Internacional – Educação 360, no Rio de Janeiro, para falar de inclusão, juntos com mestres em Educação; tivemos destaque no caderno especial da Folha de São Paulo; a Rede Globo,  maior empresa de comunicação do Brasil veio até à Escola para fazer uma campanha publicitária,  ou seja, isso quer dizer  que  estamos de  igual para igual com  escolas do Sul, Sudeste e demais regiões do Brasil, que estamos fazendo um trabalho excelência.  E esse reconhecimento é muito importante para a gente e mostra que estamos no caminho certo”, explicou Lúcia.

A Escola Sérgio Pessoa hoje trabalha com 190 alunos, mas para 2020 tem a expectativa de atender 220 alunos. A intenção é iniciar na unidade de ensino um projeto-piloto, que seria uma cozinha experimental, para passar a oferecer educação alimentar como um novo componente curricular aos alunos.

A  gestora da unidade, Regeane Chaves, afirmou que o ano de 2019 foi de muito sucesso e superações, por isso toda a  equipe pedagógica ficou feliz pelos resultados e por ter conseguido promover uma educação de qualidade, sempre respeitando e tratando da melhor forma com os alunos.

“Apesar de ter sido um ano  muito cansativo e duro estamos muito contentes  com os resultados alcançados em 2019. Visualizamos o protagonismo das nossas crianças, o quanto cresceram, o quanto amadureceram e isso é realmente o melhor de tudo. Sobre as metas de 2020 pretendemos dar início às atividades da nossa cozinha experimental, onde os alunos aprenderão a plantar alimentos e a cozinhar alimentos com orientação e como sempre fazer com que as crianças se desenvolvam mais. Queremos ultrapassar os muros da escola,  envolver mais os pais, fora  outras ações que ainda estamos elaborando”, ressaltou.

 

Texto: Emerson Felipe

Fotos: Cleomir Santos/ Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054