23/02/17 | 16:03
Escolas da rede municipal vão utilizar plataforma internacional para o ensino da matemática

23-02-17-Apresentação do Projeto Khan Academy. Fotos Cleomir Santos (1)Escolas da rede pública municipal ganham uma importante aliada para facilitar a administração e compreensão da disciplina da matemática na sala de aula. Trata-se da plataforma Khan Academy, apresentada na tarde desta quarta-feira, 22/2 para os profissionais de educação da rede que se envolverão no projeto. Para o processo de implantação e uso da ferramenta, foram escolhidas e selecionadas 64 instituições de ensino que terão acompanhamento por relatório de impacto, apontando os benefícios da tecnologia educacional.

A apresentação da plataforma, desenvolvida pelo indiano Salman Khan, foi no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Semed), para gestores, coordenadores de Telecentros, assessores pedagógicos da secretaria e das Divisões Distritais Zonais (DDZs) das 64 unidades de ensino que estão adotando a metodologia.

A ação é o resultado da parceria da Semed com a Fundação Lemann, que possibilita a alunos e professores da rede municipal o uso acompanhado de um dos maiores sites gratuitos do mundo para o aprendizado da matemática. Ao longo do ano letivo serão realizadas formações pedagógicas para educadores das escolas integrantes do projeto. Além disso, dois formadores da fundação também farão o acompanhamento do uso da tecnologia nas unidades de ensino pelos professores e alunos.

23-02-17-Apresentação do Projeto Khan Academy. Fotos Cleomir Santos (2)A Gerência de Tecnologia Educacional (GTE) da secretaria será responsável pelo acompanhamento nas escolas municipais. Segundo a gerente Aldemira Câmara, somente as unidades com laboratórios de informática e Telecentros vão fazer parte do projeto inicialmente, mas isso não impede que outras escolas possam usar a plataforma. “É um projeto piloto em algumas unidades de ensino onde foram feitos testes de conectividade. Vamos acompanhar tudo com o relatório de impacto”, comentou.

Coordenador pedagógico do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da DDZ Leste I, Ricardo Miranda terá 13 escolas sob sua supervisão incluídas no projeto e destaca a ferramenta pedagógica como um importante instrumento de ensino para os alunos da rede.

“Analisamos a plataforma e vimos que o quantitativo de exercícios e vídeos aulas é muito bem utilizado por alunos e professores. Vamos fazer o melhor para que todos tenham a facilidade de aprender e até fazer parcerias com os pais, para que eles possam acessar em casa também”, destacou.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

Fotos: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054