16/07/15 | 14:22
Escola municipal ganha novos equipamentos para recreação inclusiva

Inauguração do Parquinho adaptado.CMEI. Caio de Medeiros. Fotos Cleomir (85)O Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Professor Caio Carlos Frota de Medeiros, localizado no conjunto Viver Melhor I, bairro Santa Etelvina, zona Norte, ganhou na manhã desta quinta-feira, 16, um parquinho adaptado para crianças com deficiência. Com os novos aparelhos recreativos, a escola se adequa às necessidades de inclusão também nos momentos de recreação dos alunos. A inauguração do parquinho foi feita pela secretária municipal de Educação, Kátia Schweickardt.

O parquinho conta com escorregador, gangorra, balanço, mini campo de futebol e um mini campo de vôlei, para complementar as atividades dos alunos. De acordo com a secretária Kátia, o projeto de educação do município está voltado para todos os âmbitos, contando com a educação inclusiva.

Inauguração do Parquinho adaptado.CMEI. Caio de Medeiros. Fotos Cleomir (108)

“Estamos botando em prática o Plano Municipal de Educação, que foi aprovado recentemente, e que tem esse olhar para a educação inclusiva. Aqui no Viver Melhor estamos recebendo o apoio do Instituto Braços Abertos. Pode parecer uma coisa pequena, mas tem um simbolismo muito grande para nós da educação, mostra o carinho que eu e o prefeito Arthur Virgílio Neto temos, apesar das dificuldades financeiras, em olhar para a educação em todas as suas funções”, informou.

Idealizadora do projeto, a professora Michele Nunes, que atua na sala de recursos multifuncionais do CMEI, destacou que o parque está adaptado para atender alunos com deficiência, mas também está disponível para todos os alunos da escola.

Inauguração do Parquinho adaptado.CMEI. Caio de Medeiros. Fotos Cleomir (118) “O projeto pode ser considerado pioneiro no Estado, pois é o primeiro que foi realizado pensado na segurança do aluno inclusivo e, ao mesmo tempo, pensando em todos os alunos”, afirmou.

A dona de casa Fabiana da Silva Nascimento, mãe do aluno Isaac Victor Nascimento da Silva, 11, que participa da sala de recursos duas vezes por semana, elogiou o bom trabalho desenvolvido pelo CMEI Caio Carlos que está resultando em melhorias significativa no desempenho do filho. “Dou nota dez o trabalho do CMEI. Vejo que meu filho melhorou muito e só tenho a agradece”, afirmou.

O Cmei Caio Castro conta com 580 alunos, sendo 6 alunos inclusos com laudos atestando alguma deficiência e 20 alunos da sala de recurso, que funciona no contraturno da escola.


TEXTO: João Pedro Figueiredo
FOTOS: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054