06/08/15 | 12:57
Escola Municipal Ednir Telles faz avaliação da RADM

Cobertura RADM zona leste Edni Telles. Fotos Cleomir (5)Na manhã desta quinta-feira, 6, a direção da Escola Municipal Ednir Telles, no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste de Manaus, se reuniu com o assessor da Gestão Integrada da Escola Avançada (GIDE) onde, em conjunto, avaliou os resultados do Relatório de Análise de Desvio de Meta (RADM), referente ao segundo bimestre deste ano.

O levantamento mostrou que a unidade de ensino subiu duas posições no ranking de rendimentos das escolas daquela zona geográfica da cidade neste segundo bimestre. A análise apontou, também, crescimento nas notas da Avaliação do Desempenho do Estudante (ADE) no 3º e 5º ano, mas uma queda de 10% no 7º ano do Ensino Fundamental. Outro fator positivo é que, desde o início do ano letivo, a escola não registrou nenhum abandono.

A RADMA é o instrumento utilizado para apresentar o real cenário do processo de aprendizado dos alunos e, também, tem o objetivo de dar subsídio para que as escolas tracem metas para melhoria do rendimento. Diante dos números, o diretor do Ednir Telles, professor Domingos Sávio de Carvalho, disse que vai por em prática um plano de intervenção com as turmas de 7º ano, oferecendo sexto tempo de aula opcional, onde serão revisados os conteúdos, e um monitoramento individual de cada estudante, este último estendido para todas as séries.

Cobertura RADM zona leste Edni Telles. Fotos Cleomir (13)“Nós estamos mudando as estratégias para o terceiro e quarto bimestre, mas focando no acompanhamento individual dos alunos. Não tem jeito, é corpo a corpo. Nós temos que fazer esse trabalho pedagógico, motivando não só o aluno, mas também o professor. É uma decisão minha e da pedagoga. Dá trabalho, porque cada aluno terá uma ficha. Vamos atrás daqueles que têm dificuldade e ajudá-los”, afirmou.

Para a pedagoga Luiza Leide Lima, o RADMA é rio-x que ajuda a direção da escola observar onde está a dificuldade e corrigir.

“Eu sempre digo que um barco que não sabe para onde vai, qualquer caminho serve. Nós estávamos acostumados a cada um (professor) preocupado com seu umbigo, com a sua sala e não parávamos para ter essa visão macro. Em anos anteriores, não sabíamos como estava a educação em si em Manaus. Hoje, ela é discutida e depois são traçadas metas. É a primeira vez, em muitos anos, que tenho noção do que está acontecendo, em números, na escola. Isso mostra para o profissional que ele faz parte do sistema, incentivando ele a correr atrás, seja um profissional mais antenado”, observou.

A Escola Municipal Ednir Telles tem atualmente 944 alunos nos turnos matutino, vespertino e noturno, e turmas de 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

Texto: Thiago Botelho
Fotos: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054