19/12/17 | 13:14
Contrato com empresa de manutenção de equipamentos e fornecimento de papel vai gerar economia de R$ 1 milhão para Semed

Buscando otimizar o fornecimento, manutenção e reposição de peças de equipamentos multifuncionais, como impressoras e máquinas copiadoras e reposição de peças desses equipamentos, além de fornecimento de papel utilizado em serviços de impressão e reprodução de documentos, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) firmou contrato com a empresa Indústria, Comércio, Serviços e Tecnologia da Informática (Mac ID), para o atendimento das 499 unidades de ensino, além de prédios administrativos em 2018, o que vai gerar uma economia de R$ 1 milhão por ano na compra de papel.

O contrato de um ano, em substituição ao finalizado com a empresa  Dady Ilha Soluções Integradas LTDA, inclui a substituição de máquinas impressoras por modelos mais modernos, além das peças que necessitarem de troca como toner, revelador, fusor e engrenagens.

O contrato prevê, ainda, o fornecimento de papel oficio para todas as escolas e setores administrativos da Semed, que ainda necessitam imprimir material, o que vai gerar uma economia de cerca de R$ 1 milhão anualmente na aquisição de papel, além de diminuir o desperdício, como explicou Clécia Sahid, diretora do Departamento Administrativo e Financeiro (Deafin) da Semed.

“Considerando nossos gastos atualmente, o contrato com essa empresa, dividindo os valores entre nossas 499 unidades educacionais, mais as áreas administrativas, além de compras com equipamentos e agilidade do processo, chegamos a conclusão de que teremos uma economia bem significativa”, explicou.

De acordo com Ailton Galvão, chefe da Divisão de Gestão de Tecnologia da Informação (DGTI), todas as escolas da rede possuem, pelo menos, uma máquina de impressão, que é utilizada pela secretaria e pelos professores para imprimir provas ou algum tipo de atividade pedagógica.

“Em toda a rede, nós temos mais de 500 máquinas sendo utilizadas diariamente e várias vezes durante o dia. Com isso, o tempo de vida útil é reduzido e nós sempre estamos precisando de manutenção, por isso necessitamos de um serviço que nos dê esse suporte de forma imediata”, explicou Ailton.

Redução no uso de papel

A Semed adotou medidas para reduzir o consumo de papel e, até o final do ano, deve reduzir em 36% o consumo. Entre as medidas adotas, está a utilização do sistema online para a tramitação de processos administrativos, deixando de lado a impressão e, assim, o uso de papel, tornando o trabalho mais ágil e eficiente.

Outra forma de economia encontrada foi a disponibilização para as escolas, a partir do segundo semestre deste ano, do preenchimento das Fichas de Comunicação do Aluno Infrequente (Ficai) diretamente no Sistema Integrado de Gestão Escolar (Sigeam). A nova alternativa gerará economia e acelerará o envio de informações de alunos faltosos ao Centro Municipal de Atendimento Sociopsicopedagógico (Cemasp), que passará a ser feita em tempo real.

A redução de consumo faz parte do plano de controle de economicidade da Semed, que estipula a diminuição de 15% de gastos em toda a secretaria, relacionados ao consumo de água, energia e, também, de papel ofício.

 

Texto: Érica Marinho

Foto: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054