25/05/16 | 15:59
Cmei Madre Elísia encena peça ‘Cinderela’ para combater violência contra crianças

Palestra  de Combate a Exploração Sexual.CMEI Madre Elisia. Fotos Cleomir (1)Para chamar a atenção e alertar pais e responsáveis sobre violência contra crianças, o Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Madre Elísia, no bairro São Raimundo, zona Oeste, realizou a encenação do clássico infantil a “Cinderela”. A peça teatral foi realizada nesta quarta-feira, 25, nos dois turnos e envolveu 400 alunos do 1º e 2º períodos, pais, responsáveis, além das professoras e toda coordenação pedagógica da unidade de ensino. 

Segundo a diretora da escola, Wanderluce Almeida, a programação aconteceu por ocasião da reunião trimestral com os pais, justamente para que todos pudessem acompanhar a apresentação das crianças e absorver as informações sobre a temática. 

Palestra  de Combate a Exploração Sexual.CMEI Madre Elisia. Fotos Cleomir (10)“Nosso objetivo era justamente alcançar e fazer uma parceria com os pais por meio da encenação das crianças sobre o tema. Muitas das vezes essas crianças sofrem algum tipo de violência em silêncio, em que os pais não ficam sabendo. Às vezes, isso acontece com uma pessoa próxima, pois muitos trabalham e as crianças ficam com alguém em casa. O comportamento dessa criança é visível em sala de aula, uma vez que é lá que se reflete uma mudança de comportamento, quando a criança sofre qualquer tipo de violência”, comentou. 

Membro do conselho escolar, Wander Zâny dos Reis Júnior, 39, pai do aluno do 2º período, Nicolas Fernandes, 5, considera excelente a interação com a escola, principalmente por meio de peças em que as crianças passam mensagens de alerta sobre qualquer tipo de violência. 

“É fundamental esse tipo de informação. Isso é algo que acontece e muitos pais tem que estar alerta e evitar que suas crianças sofram violências ou sejam exploradas. É preciso que todos estejam atentos para esse tipo de coisa”, disse.

Texto: Paulo Rogério

Fotos: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054