25/06/15 | 14:00
CMEI Rita Mourão promove semana do meio ambiente

MEIO AMBIENTE (43)O Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Rita Mourão, localizado na Cidade Nova I, zona Norte, promoveu, na manhã desta quinta-feira, 25, um evento sobre o meio ambiente. Os mais de 450 alunos da unidade de ensino fizeram apresentações de dança e teatro abordando a temática. A atividade faz parte das ações da Semana do Meio Ambiente, que é comemorada mundialmente no dia 5 de junho.

De acordo com a pedagoga Ana Michelle Martins, a escola se preocupa com a educação ambiental não somente no mês de junho. Ela informou, ainda, que os professores desenvolvem durante todo o ano o ‘Projeto Fiscal do Meio Ambiente’, onde as crianças fiscalizam a limpeza da escola e fazem a separação do lixo por meio da coleta seletiva.

MEIO AMBIENTE (18)“Hoje é uma culminância ambiental. A gente trabalha a semana do meio ambiente não só na semana, mas durante todo o ano letivo. Você sabe que se trabalharmos desde a infância é mais fácil formar adultos mais conscientes. A educação é primordial nesse sentido. Aqui é a base, porque quando adulto é mais difícil. O meio ambiente é uma questão de consciência e é isso que ensinamos”, explicou, ao destacar que a comunidade também participa dos eventos, inclusive é feito a eles doações de mudas de plantas.

Apresentações

No hall do CMEI, foi montado um palco ornamentado com árvores e animais amazônicos feitos de balões. Com este cenário, as crianças puderam mostrar suas habilidades artísticas para uma plateia formada por pais e professores.

MEIO AMBIENTE (1)Os alunos do 2º período encenaram um musical que contou a história de um menino chamado Rogério. Ele ficou indignado ao perceber que o igarapé próximo à sua casa estava poluído e reuniu os colegas para fazerem um mutirão de limpeza.

A pequena Gabriele Reis, de cinco anos, foi o peixe boi na peça. Seu personagem sofria com a água suja. Ao vivenciar essa realidade fez a aluno entender a importância de não sujar a natureza, por isso ela deixa um recado à população.

“O peixe boi é bonito. Ele nada, come  e fica no rio, mas ele não fica na água suja. Se sujar o rio ele vai morrer”, ensinou a pequena.

A dona de casa Rosilane Araújo, mãe de Adrielle, de 4 anos, prestigiou todas as apresentações. Para ela, é importante ensinar a preservação da natureza já na infância.

“É muito importante os pais e a escola passarem para os filhos a importância de cuidar daquilo que é nosso. Eles precisam ter esse entendimento. Infelizmente, a nossa comunidade é muito suja, temos esse problema próximo. Então, é importante ensinar isso para eles. Esse projeto Fiscal do Meio ambiente é muito bom. As crianças se envolvem e cuidam de verdade da escola”, afirmou.

 

Texto: Thiago Botelho

Fotos: Lton Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054