25/09/15 | 17:37
Cmei Balbina Mestrinho apresenta projeto ‘Um Brasil de Todas as Cores’

DSC02245

Apresentações teatrais e musicais encerraram as atividades pedagógicas do projeto ‘Um Brasil de Todas as Cores’, realizado por alunos do Centro Municipal de Educação Indantil (Cmei) Balbina Mestrinho, localizado no bairro São José 2, zona Leste.
O objetivo do projeto é garantir às crianças o conhecimento sobre a cultura Afro-brasileira e trabalhar a importância da promoção da cidadania e igualdade racial. Foram trabalhados com os alunos literaturas que abordavam o tema do projeto, como as obras: Que cor é a minha cor?; Eu não sou como os outros; Nerina, a ovelha negra; Minha mãe é negra sim!; Princesa Violeta; Música One Love; Tudo bem ser diferente; a música Você vai gostar de mim; Princesa Arabela; Felicidade não tem cor; e Princesa guerreira Zacimba Gaba.
Para a professora Maria Auxiliadora, os temas explorados foram para mostrar para os alunos a igualdade social.
“No Brasil há uma grande diversidade de cores, de raças, de etnias e precisamos respeitá-las. É necessário o desenvolvimento deste trabalho desde cedo. Desenvolvermos brincadeiras e vivencias éticas com outras crianças e grupos sociais para favorecer a identidade e a diversidade, com isso buscamos a independência da criança, para que elas cresçam com autonomia e responsabilidade, respeitando essa diversidade existente em nossa sociedade”, informou.
De acordo com a pedagoga Lívia de Holanda, o trabalho desenvolvido pela equipe de professores garantiu momentos de interação, oportunizando as crianças a compreenderem a questão social de forma dinâmica.
Os trabalhos realizados pelos alunos servem para eles refletirem e se tornarem pessoas melhores no futuro, como destacou a professora Solange Paula.
“É sempre um prazer desenvolver um trabalho que valorize e respeite as características individuais de cada um. A criança passa a se reconhecer como individuo único respeitando o outro, descobre valores e formas de se expressar espontaneamente e assim, torna-se uma pessoa melhor com independência e autonomia”, destacou.

TEXTO: João Pedro Figueiredo
FOTOS: Cmei Balbina Mestrinho

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054