08/08/14 | 12:31
Cerca de 700 alunos participam de Feira de Ciências com tema “Meio Ambiente e Tecnologia” em escola municipal

 Com objetivo de trabalhar com a tecnologia em prol da conscientização e preservação do meio ambiente, a Escola Municipal Frei Mário Manocelli de Grello, bairro Jorge Teixeira 4, Comunidade Cidade Alta, zona Leste, realizou nos dois turnos desta sexta-feira, 8, a 2ª Feira de Ciências – com tema “Tecnologia e Meio Ambiente”.

Com cerca de 700 alunos da educação infantil e do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, a comunidade escolar trabalhou em sala de aula a temática com os 14 professores. Os estudantes fizeram coleta de garrafa pet, papelão, jornal e tampinha de garrafa, para confecção do material exposto no evento.

 Segundo a pedagoga da unidade de ensino, Otaliane Corrêa, com a temática, os alunos têm a oportunidade de aprender mais sobre o assunto, principalmente por morarem em uma zona carente e por precisarem de informações para cuidar do próprio ambiente escolar e de sua comunidade.

 “Eles têm uma lição sim, porque tiram bastante proveito, interagem entre si, ou seja, nossa meta é a interação entre todos. A gente sabe que construindo eles aprendem e podem utilizar isso para o futuro deles. Nossos alunos, na verdade, são multiplicadores do tema, onde levam para os pais, que posteriormente passam a frequentar a escola e tomam conhecimento sobre o trabalho desenvolvido na escola.”, salientou.

A professora do 1º ao 5º ano, Maria Aparecida, disse que a tecnologia faz parte da vida do ser humano, por isso ela considera importante trabalhar com os alunos os recursos digitais para ajudar o desenvolvimento do processo de ensino aprendizagem em sala de aula.

“A tecnologia vai invadindo nossas casas e hoje em dia crianças de dois anos, já sabem manusear um aparelho celular. Usar os recursos, sendo mediados pelos nossos conteúdos na escola, é um aprendizado importante. A tecnologia aliada com meio ambiente, ajuda nossos alunos, pois são curiosos. Temos que aproveitar as novas metodologias para ensiná-los melhor.”, comentou ao ressaltar que a comunidade escolar utiliza a tecnologia da Editora Positivo.

 O aluno do 3º ano, Samuel dos Santos Batista, 11, mora em uma rua que sempre te, lixo pelo chão. Para ele, o aprendizado na confecção de material reciclado durante a feira, fez com que tivesse uma outra visão de como preservar o ambiente de sua própria comunidade.

“Nós trouxemos material para fazer os brinquedos na feira, mas principalmente, percebemos que nossa atitude ajuda a preservar o meio ambiente em geral. A partir de agora, não vou mais jogar lixo na rua, mas sim dentro de lixo, para não deixar tudo sujo”, comentou.

 

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

Fotos: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação 9Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 2632-2054