05/04/17 | 14:58
Articuladores do Novo Mais Educação recebem orientações sobre as diretrizes do programa em 2017

RRA_0536Visando a alfabetização, ampliação do letramento e melhoria do desempenho em Língua Portuguesa e Matemática das crianças e dos adolescentes, por meio de acompanhamento pedagógico específico, a Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio da Divisão de Apoio a Gestão Escolar (Dage) reuniu os articuladores do Novo Mais Educação, para repassar as diretrizes do programa em 2017. O encontro reuniu professores e pedagogos das 326 escolas municipais participantes, que atenderão mais de 37 mil alunos, do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental, no contraturno escolar.

O Programa Novo Mais Educação é uma ação do Ministério da Educação (MEC) e o objetivo é a ampliação da jornada escolar de crianças e adolescentes, mediante a complementação da carga horária de 5 ou 15 horas semanais no turno e contraturno escolar. As ações nas escolas deverão ser implementadas por meio da realização de acompanhamento pedagógico em Língua Portuguesa e Matemática e do desenvolvimento de atividades no campo das artes, cultura, esporte e lazer.

O Novo Mais Educação oferecerá reforço escolar para alunos do 3°, 5° e 9° anos do Ensino Fundamental que tenham dificuldades de aprendizagem em Português e Matemática. A escola pode optar por 15 horas, sendo quatro para cada disciplina e mais sete horas para atividades de esporte, lazer e cultura. As escolas que optarem por cinco horas, o trabalho será destinado apenas para acompanhamento pedagógico.RRA_0527

A chefe da Divisão de Apoio a Gestão Escolar (Dage) da Semed, Jussara Marques, explicou para os articuladores como será o trabalho deles juntos aos mediadores da escolas participantes do programa.

“Orientei sobre o que é o programa, o perfil do articulador, porque não pode ser qualquer pessoa. Nós falamos do início das atividades dos mediadores, que são aquelas pessoas que vão estar em sala de aula, passando por uma capacitação”, disse.   

Trabalhando desde 2009 no programa, mas agora com a nova nomenclatura do Novo Mais Educação, a articuladora Maria Inês Leal da Silva, da Escola Municipal Waldir Garcia, bairro São Geraldo, bairro São Geraldo, zona Oeste, disse que esse ano o programa atenderá 200 alunos, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, da unidade.

“Vamos trabalhar fazendo o levantamento dos alunos que têm essas dificuldades, eles precisam de um olhar diferenciado no sentido da aprendizagem com cuidado, onde os articuladores, facilitadores vão trabalhar em conjunto na questão do letramento e matemática para melhorar os índices”, RRA_0525explicou.

A Escola Municipal Zilda Arns Neumann, bairro Novo Israel 1, zona Norte, terá 100 alunos do 1º ao 5º ano atendidos. Para o articulador, professor Manoel Brilhante da Silva, todas as informações sobre o novo programa serão colocadas em prática para melhorar o aprendizado dos estudantes em sala de aula.

“É um programa novo, como sempre é um grande desafio. Tudo que aprendi aqui na reunião pretendo colocar em prática com meus mediadores de português e matemática, e buscar como objetivo principal a aprendizagem dos alunos, novas metodologias e recursos”, citou.

Para participar do Programa Novo Mais Educação 2017, cada escola realizou o cadastro no sistema do MEC ano passado. O articulador das unidades de ensino participantes, seja professor ou pedagogo, terá um total de 20 horas para trabalhar em sua unidade de ensino.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

Fotos: Lton Santos/ Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054