19/07/13 | 18:55
Arthur reinaugura unidade de ensino voltada a alunos com deficiência

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, reinaugurou nesta sexta-feira, 19, o Centro Municipal de Educação Especial André Vidal de Araújo, na zona Centro-Sul. A solenidade contou com a presença do ex-prefeito da cidade, Serafim Corrêa, e familiares do homenageado.

O Centro passou por reforma geral na parte interna e externa com pintura e ampliações. Além disso, todas as salas ganharam aparelhos de ar condicionado, a fim de atender com mais eficiência as pessoas que por ele passam.

Na solenidade, o prefeito Arthur Neto afirmou que pretende aumentar o atendimento para pessoas com deficiência, por meio de outras unidades semelhantes ao Complexo André Vidal. “Pretendemos construir outros centros como esse nas zonas Norte e Leste, porque entendemos que este não é suficiente para atender toda a demanda que existe na cidade”, falou o prefeito.

O prédio conta com 38 salas distribuídas em vários atendimentos, como fraldário, banheiros femininos, masculinos e de funcionários, sala de reuniões, fisioterapia, serviçosocial, psicologia, psicopedagogia, pedagogia e copa.

Além disso, há espaço para atendimento odontológico, nutricionista, fonoaudiólogo, aula de informática, coordenação multiprofissional, programa de estimulação, intervenção, arquivo, depósito pedagógico, gerência além de uma piscina e a quadra que foi totalmente reformada e adaptada.

“Este momento era esperado por todos nós. Hoje, estamos concretizando um sonho. Sonho este que, após ser realizado, nos ajudará a darmos qualidade de vida a quem vem ao nosso encontro”, disse a Gerente de Educação Especial, Reni Formiga.

Reafirmando o compromisso do prefeito, o Secretário Municipal de Educação,  Pauderney Avelino, enfatizou que, em breve, a Prefeitura fará outras unidades de ensino voltadas à educação especial. “Estamos muito felizes por mais este feito. Agora, é hora de avançar e fazer outros lugares iguais a esse” afirmou.

Melhorias 

Segundo Maria Lourdes, mãe do aluno Leonilson Viana, 18 anos, após a reforma, a escola que fica dentro Complexo ficou mais segura. “Percebo que, com a reforma, o espaço está mais seguro. Houve mais  investimento neste sentido, colocaram outras portas de ferro no corredor que liga o complexo à escola. Isso é bom e nos deixa mais aliviados enquanto responsáveis”, falou a mãe.

Para Rosa Maria, mãe do aluno Wiliam Andrade, 15 anos, o novo ambiente está mais adequado para receber os alunos. “Acredito que agora os alunos irão se sentir melhor na escola, pois de alguma forma irão perceber que o Centro mudou, e para melhor. Adorei. Parabéns, está lindo”, elogiou.

Na oportunidade, também foi feita uma homenagem com a entrega da placa de honra ao mérito às gestoras das escolas Madre Tereza de Calcutá, Candido Honório, Padre Puga e Wilson Mota, por serem finalistas do prêmio nacional de gestão escolar.

Ensino

O Complexo Municipal de Educação Especial foi criado pelo Decreto Lei N° 1.102 de 9 de maio de 2007. A Escola Municipal de Educação Especial André Vidal de Araújo, que fica no mesmo terreno foi idealizada pela Professora Reni Formiga, também em julho de 2007 na gestão do prefeito Serafim Corrêa.

A Escola está sob a gestão do professor Helivan Pinheiro Dantas, funcionando nos turnos matutino, vespertino e noturno, atendendo a alunos com Deficiência Física, Deficiência Auditiva/Surdo, Deficiência Visual, Transtorno Global do Desenvolvimento, Deficiência Intelectual e Deficiência Múltipla, oriundas das várias localidades da cidade de Manaus, com Educação Infantil, Ensino Fundamental do 1° ao 5° ano e Educação de Jovens e Adultos. Todos os níveis de ensino perpassam pela Educação Especial, totalizando 544 alunos e 66 profissionais.

O Complexo de Educação Especial é uma unidade de ensino da Secretaria Municipal de Educação, subordinado à Gerência de Educação Especial. Os objetivos são oferecer apoio pedagógico especializado aos professores e pedagogos que trabalham com alunos especiais, apoiar e orientar as famílias dos alunos, oferecer atendimento especializado, sensibilizar e conscientizar a sociedade quanto à inclusão da pessoa com deficiência e oferecer cursos específicos aos professores e pedagogos da Rede Municipal de Ensino