27/03/15 | 14:09
Alunos de escola municipal aprendem sobre biodiversidade em aula prática no Cigs

Como forma de premiar os alunos com alto índice de assiduidade no reforço escolar, realizado no contraturno das aulas curriculares, a Escola Municipal Solange Nascimento promoveu, na manhã desta sexta-feira, 27, uma visita ao zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs) com a participação de 50 estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental. Na oportunidade, os alunos também visitaram a Oca do Conhecimento Ambiental/ Cigs.

O encontro foi coordenado pelos professores de ciências e serviu, também, como complemento da aula sobre a extinção dos animais da Amazônia, ministrado em sala na última semana.

“A ideia é premiar os alunos que participam do projeto do reforço escolar. Além disso, é importante que tenham esse contato para valorizar a biodiversidade, para aprenderem a preservar. Com isso, eles veem a importância da preservação da natureza. Hoje, fizemos uma aula prática do que já foi ensinado sala de aula”, disse o professor de Ciências, José Roberto Soares.

A maioria dos alunos que participou da visita mora na zona rural de Manaus e ainda não havia visitado um zoológico. O estudante Rivanildo Nascimento, 14, ficou impressionado com os animais e disse esse tipo de aula incentiva mais os estudos e torna o ensino mais atrativo.

“Eu estou filmando para ter uma recordação melhor e mostrar para os meus pais. Sair (da escola) é sempre melhor para o desenvolvimento escolar”, disse.

O aluno Marcelo Melo já tinha visitado o Cigs em outra oportunidade, mas ficou admirado em ver novas espécies de animais em exposição no local. Ele também ressaltou a importância das aulas práticas. “Nosso instrutor disse que vieram mais 11 espécies novas. É importante estar em sala de aula, mas de vez em quando é importante sair um pouco e conhecer coisas novas”, afirmou.

Para a aluna Fernanda Mácimo, 15, a visita foi uma aula de ciências de forma prática. No local, ela pode ver as espécies de perto e, segundo ela, o professor fará algumas perguntas sobre o tema na próxima prova bimestral.

“Vai cair algumas coisas na prova e eu estou observando tudo aqui para saber o que responder. Eu fiquei admirada com a onça. É um animal que está em extinção, que só ataca quando está ameaçada, fora isso é um ótimo animal”, observou.

De acordo com o coordenador da Oca do Conhecimento do Cigs, Paulo Ferraz Alves, a Escola Municipal Solange Nascimento foi a primeira escola da zona rural de Manaus a fazer uma visita ao local e conhecer também o Aquário Amazônico.

“A prefeitura fez um gol de placa ao construir juntamente com a Vemaqa (Vara Especializada do Meio Ambiente e Questões Agrárias) essa Oca do Conhecimento Ambiental nas dependências do Cigs. Para os alunos, é um ganho significativo no processo de ensino e aprendizagem”, disse o professor, lembrando que a ideia é trazer cada vez mais escolas ao local.

Texto: Thiago Botelho
Fotos: Lton Santos/Semed

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054