06/09/14 | 19:52
Alunos de 140 escolas do município participam do desfile cívico

Seiscentos alunos de 140 escolas da rede municipal, de todas as zonas geográficas de Manaus, participaram, no final da tarde desta sexta-feira, 5, do Desfile Cívico Escolar, como parte da programação de encerramento da Semana da Pátria e do Amazonas. O desfile foi no centro de convenções, sambódromo, e foi acompanhado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto.

Além dos alunos do município, participaram da programação estudantes da rede estadual, particular, militar e entidades educacionais e sociais. Ao todo, cerca de dez mil alunos marcharam, nesta sexta-feira.

A programação cívica nas escolas começou no dia 1º de setembro, com a tradicional Corrida do Fogo Simbólico, com a participação de alunos da rede municipal e estadual de ensino.

No desfile escolar desta sexta-feira, 5, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) abriu sua participação com a fanfarra da Escola Municipal Eliana Lúcia Monteiro. Depois, foi a vez do pelotão de bandeiras representando as sete Divisões Distritais Zonais (DDZs), seguido por alunos da Educação Infantil. A Semed teve ainda o pelotão de alunos de todas as DDZs e fanfarras das Escolas Municipais Sônia Maria, José Sobreira e Ana Maria Barros.

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, acompanhou atento o desfile e disse que foi um momento especial para reflexão sobre a cidadania, mas também para mostrar o trabalho do município em prol da educação, em todas as áreas de atuação no processo de ensino e aprendizagem.

“Nós estamos vendo a organização, a disciplina, o cuidado, a educação, a aplicação, a preocupação de fazer o bem. Isso é uma coisa que temos de valorizar, pois reflete muito no que vai ser o cidadão de amanhã. Eles começam a aprender a noção de civismo, patriotismo, de organização, de respeito, de disciplina, agora, pois vejo com muito prazer cada um se esmerando ao máximo para ser melhor que o outro, sem ter ao mesmo tempo qualquer concorrência. No final, todos querem voltar para casa com o dever cumprido”.

Arthur se emocionou ao assistir o desfile das crianças com deficiência e aplaudiu também a passagem dos alunos das escolas Santa Isabel e Instituto de Educação do Amazonas (IEA), onde cursou o primeiro e segundo ano do primário.

“Toda essa imagem me sensibiliza. De um modo geral, todo o desfile estava muito bonito. As crianças deram um show e é bom que elas saibam que estão sendo admiradas. Tudo isso nos remete a certeza de que teremos um país com menos corrupção, um país com mais respeito com o bem público. Estamos vendo o futuro desfilar por aqui”, disse.

A importância de despertar e nutrir o amor pela pátria nas crianças também foi destacado pelo secretário municipal de Educação, Humberto Michiles. “É um orgulho e uma satisfação muito grande vermos nossas crianças desfilando. Marcar presença nas comemorações de datas históricas, como esta do Amazonas, e a Independência do Brasil é fundamental para difundirmos e valorizarmos nosso Estado, para difundirmos o espírito patriótico. E para que tudo isso aconteça é necessário começarmos em nossas escolas, com nossas crianças “.

Orgulho

A diretora Raquel Thomas, do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Graziela Ribeiro, foi a educadora responsável por conduzir, no desfile escolar, os alunos da educação infantil. Para ela, representar essa faixa de ensino foi motivo de alegria e orgulho.

“É uma honra muito grande representar todos os Cmeis do município. Essas crianças vêm trabalhando os valores cívicos desde o primeiro período, mas a maioria aqui já faz parte do segundo período. Os pais aderiram à atividade e trouxeram as crianças, mas acima de tudo, perceberam que os valores cívicos são muito importantes à família e à sociedade. A escola faz seu papel e incentiva cada vez mais isso”, comentou.

O diretor Antônio Humberto, da Escola Municipal Raimundo Gonçalves Nogueira, do Zumbi, zona Leste, tem a mesma visão de que o desfile cívico é importante à formação, para o respeito e patriotismo do cidadão. “Esse regaste do momento patriótico é fundamental, pois muitos já não tinham esse sentimento, mas, mais importante ainda é aumentar essa participação de mais escolas no desfile”.

Feliz por ter participado da atividade cívica, a aluna do 5º ano, Aline Nascimento de Oliveira, 12, da Escola Municipal Nelson Neto, na Comunidade da Sharp, zona Leste, disse que representar sua escola na avenida tornou a sexta-feira dela um dia especial. “A apresentação foi muito boa, incluindo as fanfarras e porta-bandeiras, que era o que eu sempre quis ser e, agora, consegui com muita alegria”, disse.

Ao final do desfile da Semed, no sambódromo, o último pelotão foi representado por assessores e gestores das Divisões Distritais Zonais.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga/Semed e Carla Albuquerque/ Semcom

Imagens: Arlesson Sicsu/Semcom e Cleomir Santos/Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054