27/11/17 | 12:05
Alunos da Semed participam de Feira de Ciências da Amazônia

Acontece até amanhã, 28/11, a Feira de Ciências da Amazônia (FCA), que está sendo realizada na Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM). A Feira é uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação (Semed), Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e Associação Brasileira de Incentivo a Ciência (Abric) e tem o objetivo de estimular a inovação e a criatividade de alunos da rede municipal, estadual, federal e particular de ensino, por meio da ciência, inovação e da resolução de problemáticas da região amazônica.

Serão premiados temas em quatro categorias: Ciência para o Meio Ambiente, Ciência para a Sociedade, Engenharia para o Meio Ambiente e Engenharia para a Sociedade e acontece na terça-feira, às as 16h no DDPM. Os ganhadores da FCA serão credenciados para participarem de feiras nacionais e internacionais de ciências.

Por meio do Programa Ciência na Escola (PCE), os alunos da Escola Municipal Ana Mota Braga, chegaram à feira para apresentar seu projeto de robótica. O aluno Danilo Santiago, 11, destacou a importância do trabalho.

‘‘É muito legal participar e ver os outros projetos, tudo isso é muito grande e nós melhoramos muito após começarmos a fazer parte do projeto da robótica. Criamos o Sapo Robô e esperamos conseguir os resultados para ganhar as credenciais’’.

O PCE (Projeto Ciência na Escola) é uma parceria com a Prefeitura de Manaus, por meio da Semed, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), Seduc e Sect.

Segundo a gerente de Popularização da Ciência da Secretaria de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplan-CTI), Milena Aryce, serão exibidos 50 projetos científicos de estudantes, desenvolvidos no âmbito escolar.

‘‘O objetivo da exposição é trazer as ciências para escola, aprofundar o que é ensinado pelo professor, promover as habilidades dos alunos, desenvolver o espírito de equipe e o melhor aproveitamento nas notas. A atividade também busca fazer a melhor divulgação dos projetos de iniciação cientifica dos alunos do estado e do município’’, afirmou ela.

Para a professora de ciências, da Escola Municipal Ana Mota Braga, Helena Lanbeck, o projeto foi crucial para o melhor desempenho dos alunos nos estudos. ‘‘A iniciação científica na escola com eles foi de suma importância, tanto para os alunos quanto para a escola. Podemos ver os resultados deles aqui nessa feira e também na escola, as notas melhoraram o tratamento entre eles também ficou melhor e isso trouxe qualidade de vida, finalizou ela.

O avaliador João Verçosa, formado em Biotecnologia na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), ressaltou o ensino das Ciências nas escolas. ‘‘O ensino sempre será vital em todas as redes de educação. Esse tipo de feira é superimportante para dar impulso aos alunos, quebrar um pouco da rotina deles e os colocar para resolver os problemas do dia a dia, tanto agora quanto no futuro’’, enfatizou.

 

Texto: Patryck Vieira

Fotos: Lton Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054