28/09/16 | 16:23
Alunos da rede municipal participam da fase final do Circuito de Jogos do Programa Matemática Viva

28-09-16-Circuito de jogos de matemática. Fotos Cleomir (22)Fortalecer a aprendizagem de conhecimentos básicos matemáticos é um dos objetivos principais do Circuito de Jogos do Programa Matemática Viva, que chegou a sua fase final nesta quarta-feira, 28, e reuniu, na Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), 168 alunos do 5º ao 9º ano das escolas da rede municipal de Educação.

Ao todo o programa, criado em 2010, e que acontece desde o inicio do ano letivo em todas as escolas municipais, envolveu aproximadamente 8 mil alunos em modalidades de dama, dominó e xadrez, além dos clubes de matemática, voltados para alunos do 6º ao 9º ano e que é formado por 10 alunos, um professor responsável, um aluno líder, um escudo e um lema.

Durante o circuito, 16 escolas, representadas cada uma por cinco alunos realizaram exposição de jogos utilizados no dia a dia das salas de aula. O objetivo do programa é revelar talentos matemáticos e de novos jogos que visam o raciocínio logico e resolução de contas matemáticas somando para a vida do aluno.

28-09-16-Circuito de jogos de matemática. Fotos Cleomir (26)“A intenção é fazer com que os alunos aprendam a matemática de forma objetiva por meio de jogos, criando outra visão dessa disciplina que muitos consideram difícil”, relatou o assessor pedagógico da Divisão de Ensino Fundamental (DEF) da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Francinaldo Nogueira.

O professor de matemática Waldemir Gonçalves, da Escola Municipal Raimundo Teodoro Bontinelly Assumpção, considera a interação com alunos de outras escolas é fundamental para o melhor desempenho dos estudantes. “A matemática está presente no dia a dia de todas as pessoas e essa troca de experiências faz com que os alunos aprimorem seus conhecimentos e se preparem melhor para a olimpíada brasileira de matemática para escolas publicas”, contou.

28-09-16-Circuito de jogos de matemática. Fotos Cleomir (27)Os alunos foram divididos nas salas da DDPM para disputar as modalidades e presentar os projetos dos Clubes de Matemática, como a Torre de Hanói, o Tangran e o Quebra Cuca. “É um momento desafiador para testar nossas qualidades na matemática, o raciocínio lógico, pois tudo que fazemos de alguma forma está ligado à matemática”, contou a aluna Laylla Serpan, 14, do 9º ano.

Disputando a modalidade de dominó em dupla com o amigo Gabriel Vieira Alves, o aluno Rafael Cavalcante, 14, 9º ano da Escola Municipal Deputado Ulisses Guimarães, contou que por trás dos jogos existe muita matemática. “O dominó entra muito a multiplicação de 5 e por isso temos que pensar rápido e nos desenvolvemos, assim como outros jogos como a dama, o xadrez, o resta um, que não são apenas diversão, tem contas e conhecimento”, informou o aluno.

 

Texto: João Pedro Figueiredo

Fotos: Cleomir Santos / Semed

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054