25/10/17 | 16:21
Alunos da rede municipal de ensino iniciam participação na Prova Brasil 2017

Alunos de 5º e 9º de 272 escolas da rede municipal de ensino de Manaus começaram, nesta quarta-feira, 25/10, a realizar as avaliações da Prova Brasil, um dos critérios utilizados para o estabelecimento do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). As provas, nas disciplinas de português e matemática, acontecem nas unidades de ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semed) nas zonas Urbana e Rural de Manaus, até a próxima terça-feira, 31/10, e serão realizadas por aproximadamente 164 mil estudantes.

Na Prova Brasil deste ano, em Manaus, a novidade foi a participação de 16  escolas da zona ribeirinha de Manaus, sendo nove unidades localizadas no Rio Negro e sete no Rio Amazonas, envolvimento de 274 estudantes de escolas pertencentes a Divisão Distrital Zonal Rural da Semed.

A Prova Brasil e o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) são avaliações para diagnóstico, em larga escala, da educação no país, desenvolvidas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC). O objetivo é avaliar a qualidade do ensino oferecido pelo sistema educacional brasileiro a partir de testes padronizados e questionários socioeconômicos.

No último Ideb, saltou da 18ª para a 11ª posição entre 26 capitais brasileiras. Em relação aos Anos Iniciais (1º ao 5º ano do Ensino Fundamental), com o terceiro maior crescimento percentual do País, as escolas municipais também tiveram um resultado expressivo com nota de 5,4 no Ideb 2015. O resultado é superior a meta de 4,9 do MEC para o município e próxima a projetada para 2019 5,5. No Ideb de 2013, a nota havia sido de 4,6, sendo uma elevação de 17%.

A secretária municipal de Educação, Kátia Schweickardt, destacou que a Prova Brasil é um importante balizador de resultados, levando em consideração o trabalho que vem sendo desenvolvido ao longo dos anos na secretaria, em busca do crescimento dos índices educacionais e da qualidade no ensino oferecido. Ela também ressaltou que a expectativa é de que os resultados da avaliação deste ano sejam tão positivos quanto do ano anterior.

“Nós nos organizando em várias frentes, sobretudo pedagógica, para que nossos alunos tenham o melhor desempenho. Tenho certeza que, assim como na edição passada da Prova Brasil, em que Manaus foi destaque nacional, nós seremos novamente”, comentou.

A subsecretária de Gestão Educacional, Euzeni Trajano, lembrou que foram realizadas várias ações, ao longo do ano letivo, para que os alunos da rede municipal estivessem bem preparados para a Prova Brasil, mas também como forma de reforço do ensino oferecido.

“Nosso planejamento vem da escola, das divisões distritais e da sede que dá todo suporte. Realizamos em 2017 uma série de ações preparatórias não apenas visando a Prova Brasil, mas para o ensino de forma geral e utilizamos ferramentas como a Khan Academy, os projetos Viajando na Leitura e Matemática Viva, aulões e simulados, entre outras ações”, disse.

Expectativa

A Escola Municipal Carlos Gomes, no bairro Compensa, zona Oeste de Manaus, teve a participação de 92 alunos do 5º ano. Para o diretor Zacarias Macedo dos Santos, a expectativa em torno da avaliação é positiva.

“Tivemos aulões aos sábados, fizemos um com os alunos além das aulas dos turnos varias atividades. Nós tivemos a participação de 100% dos alunos do 5º ano na prova e nossa expetativa é muito boa para o resultado do Ideb deste ano”, citou.

A aluna do 5º ano matutino, Isabelle Fazioni da Silva, 10, disse que estudou muito com os colegas da escola e nos últimos dias se dedicou aos estudos em casa, tirando as dúvidas para realizar uma boa prova. “A prova não foi difícil, mas estudei muito para conseguir uma boa nota. Fique com meus colegas da escola vendo os livros. Espero conseguir uma boa nota, porque quero ser alguém na vida, por isso, temos que estudar muito para isso”, comentou.

A diretora Jesseéli Freitas da Silva, da Escola Municipal Sulamita Pereira Gonçalves, na Cidade Nova I, zona Norte, em que 72 alunos do 5º ano do Ensino Fundamental também participaram da prova, também destacou que a expectativa para o resultado da prova é positiva.

“Nós acreditamos que fizemos um bom trabalho durante todo ano com competência e agilidade necessárias para que os alunos consigam atingir a meta. Realizamos várias ações estimulantes, que trouxeram resultados”, concluiu.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054