22/05/15 | 13:55
Alunos da Oca do Conhecimento têm dia de conscientização ambiental

Vinte e seis alunos da Oca do Conhecimento da Zona Norte, que realizam atividades extracurriculares no contraturno das aulas, tiveram um dia de conscientização ambiental participando da 152ª edição do Circuito da Ciência, na manhã desta sexta-feira, 22, no Bosque da Ciência, em Petrópolis, zona Sul.

Durante o evento, os estudantes tiveram a oportunidade de expor os trabalhos desenvolvidos com materiais recicláveis e a orquestra de flauta. As atividades fazem parte do projeto Formando Cidadão, da Polícia Militar, que na zona Norte, é realizado em parceria com a Oca do Conhecimento.

Porta treco, cofre, vaso de plantas e até um bebedouro foram alguns dos objetos feitos com garrafas pets expostos pelos alunos. O estudante Breno Martins, 15, disse que gostou mais de fazer o avião, que, com ajuda de um gerador de energia, mexia a hélice.

“Nós pegamos a garrafa pet e montamos esse avião. Depois desmontamos um DVD, tiramos o gerador e colocamos nele para que a hélice rodasse. Minha vida mudou após conhecer o Formando Cidadão”, admitiu. “Não tinha o que fazer em casa e passava o dia na rua fazendo o que não prestava. Hoje, meu sonho é seguir nos  estudos e ser alguém na vida”, disse o estudante.

Para o assessor pedagógico das Ocas do Conhecimento, Milton Melo, participar do Circuito da Ciência em um local como o Bosque da Ciência é um momento diferente para os alunos. “É uma aula diferente. Eles saem do ambiente da Oca e têm uma proximidade com a construção do conhecimento. É uma forma de nós ocuparmos esses alunos, pois além de tirarmos eles da ociosidade, eles participam de outro momento de construção, com ênfase na educação ambiental”, explicou, ao destacar que na Oca do Conhecimento da zona Norte há vários projetos realizados com outros parceiros.

Circuito da Ciência

O Circuito da Ciência é um projeto que trabalha a divulgação científica voltada para questões ambientais, realizado há 16 anos pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa). Há dez  edições, o Circuito conta com a parceria de escolas públicas e a apresentação de trabalhos desenvolvidos no ambiente escolar.

De acordo com o coordenador do projeto, Jorge Lobato, mais de 60 mil estudantes já participaram do evento. “O Circuito da Ciência tem contribuindo para que esse instrumento de divulgação científica que o Inpa tem, que é o Bosque da Ciência, possa fazer uma interface com a sociedade. O intuito é ajudar a elevar o conhecimento científico e tecnológico, visando popularizar a ciência”, explicou.

Participante da orquestra de flauta da Oca do Conhecimento, Samuel Sarmento, 15, disse que visitou o Bosque da Ciência pela primeira vez e confessou que se sentiu em casa ao visitar o local. “Eu sou do interior e durante a maior parte da minha vida eu brinquei na mata.  e aqui é muito parecido com o interior. Estou gostando muito”, declarou.

 

Texto: Thiago Botelho

Fotos: Lton Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054