14/11/14 | 12:09
Alunos da Escola Municipal Carmem Guimarães Hagge recebem certificado de participação do Proerd

No período de setembro a novembro, 81 alunos do 5º ano do Ensino Fundamental, da Escola Municipal Carmem Guimarães Hagge, localizada no Bairro Terra Nova 2, participaram do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd). Na tarde desta quinta-feira, 13, os participantes receberam o certificado de participação.

O Programa é desenvolvido em unidades de Ensino Fundamental da Secretaria Municipal de Educação (Semed), em parceria com a Policia Militar do Amazonas. A solenidade de certificação aconteceu na quadra poliesportiva da unidade e contou com a participação de pais, alunos, educadores, membros da Polícia Militar (PM) do Amazonas e da comunidade que mora no entorno da escola.

Na Escola Municipal Carmem Hagge, as aulas aconteceram uma vez por semana, com duração de 45 minutos, cada. O material utilizado na formação foi uma cartilha contendo 11 lições, abordando de forma clara e lúdica os malefícios que a droga causa, como também dicas para evitá-las. Ao final da oitava lição, a criança redigiu uma redação relatando o que aprendeu ao longo do curso. O soldado da PM, Neyzomar, mencionou que o principal objetivo do programa é a prevenção e que família tem um papel fundamental neste processo.

“A importância do Proerd é a prevenção e orientação ao aluno para ficar longe das drogas, resistir às pressões do grupo e procurar sempre dizer ‘não’ a qualquer situação que possa causar algum tipo de mal estar. O importante de tudo isso é a família – o alicerce, juntamente com a escola e a Polícia Militar como um tripé”, disse o responsável pela formação, o PM Neyzomar.

Segundo Ingrid Pereira, 12, que participou das aulas, o Proerd foi importante em sua vida, porque lhe ajudou atender um pouco mais sobre o uso de entorpecentes e trouxe valores novos.

“As aulas foram muito importante para mim. Nelas, aprendi os diversos malefícios que a droga pode causar na vida das pessoas, pude trabalha meu caráter e a minha formação pessoal . Foi ótimo, foi por pouco tempo, mas foi muito proveitoso”.

O programa foi implantado na unidade escolar há mais de três anos. Durante este período, formou mais de 1000 alunos. A gestora da unidade de ensino, Maria Dulcineia, ressaltou o que mudou com a implantação do programa na escola.

“Tivemos saldo muito positivo com a implantação do programa em nossa unidade. Hoje, percebemos uma mudança de comportamento nos alunos, percebemos que estão mais preocupados uns com outros, estão mais disciplinados e conscientes sobre seu papel na sociedade e, sobretudo, dos males que o uso de drogas pode causar”, descreveu a gestora.

 

Programa

 

O Proerd é a versão brasileira do programa Dare (Drug Abuse Resistence Education), implantado inicialmente nos Estados Unidos e, atualmente, desenvolvido em mais de quarenta países conveniados. A iniciativa é considerada pela ONU como um dos maiores programas de prevenção as drogas e a violência do mundo.

 

Texto e Fotos: Emerson Felipe

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054/ 8124-2626