21/08/14 | 17:39
Alunos da Escola Álvaro Cesar de Carvalho discutem temas de conscientização em feira de ciências

Conscientização e obtenção de conhecimento. Estes foram pontos da 2ª Feira de ciências realizada, na tarde desta quinta-feira,21, pela Escola Municipal Álvaro Cesar de Carvalho, localizada no bairro Tancredo Neves, zona  leste da cidade. Na feira, alunos do 5º  ao 9º ano e do Programa de Aceleração da Aprendizagem (PAA) apresentaram temas voltados ao meio ambiente, tecnologia e ciência. O evento reuniu pais, responsáveis de alunos e comunitários.

O trabalho foi concentrado em 12 salas de aula. Cada aluno expôs por meio de cartazes, painéis, recursos tecnológicos, como Datashow, além de maquetes. Os temas apresentados na feira foram Mobilidade Urbana, Limpeza Pública, o Destino do Lixo, a Importância da Reciclagem, a Captação e Reutilização da Água dos Condicionadores de Ar.

Os alunos também apresentaram as formas de higiene pessoal e social, como evitar desperdício da merenda escolar, sobre a origem e a importância dos números, os valores repassados pelas mídias, como TV, internet, celular e outros, além de informações de como se portar como motorista e pedestre no trânsito, da contribuição de aplicativos como ferramenta pedagógica para a aprendizagem de língua inglesa e, também, mobilidade urbana e seus desafios.

As pesquisas foram feitas no decorrer de 90 dias. Cada turma ficou com um professor conselheiro responsável por dar direcionamento nas pesquisas em sala de aula e trabalhos voltados aos temas abordados .

A professora de ciências e coordenadora da feira, Rosinalva Araújo, explicou  que atividades como essa ajudam o professor a avaliar o aluno de forma diferenciada.

“Atividades como essas são interessantes, porque a partir delas conseguimos avaliar o aluno pela sua individualidade, pelo seu desempenho e habilidade e da mesma forma os instiga a sentir mais interesse pela pesquisa e pela leitura”, declarou a professora responsável pela Feira de Ciências.

Para Elen Cristina, mãe do aluno José Vitor, 13, do 8º ano, a feira foi um meio dos alunos criarem gosto pela pesquisa.

“Com a feira, percebi que meu filho ficou mais atento, estudioso e interessado em ler. Isso foi muito bom e é reflexo do trabalho realizado em sala de aula pela escola e seus professores”, declarou a mãe do aluno.

As turmas dos 5º anos e dos alunos do Programa de Aceleração da Aprendizagem (PAA) repassaram informações pertinentes sobre o trânsito. A aluna Leticia Gonzaga, 10, do 5º ano destacou em sua explanação que todos devem fazer sua parte para termos um trânsito harmonioso e seguro.

“Se as pessoas tivessem a consciência que devem todos respeitar o trânsito, o trânsito seria mais tranquilo e teríamos, com certeza, menos acidentes”, falou a aluna.

A feira foi dividida em dois momentos. Das 14h às 14h30, foram expostos os temas dos alunos dos 7º e 9º e das 15h30 às 16h os estudantes dos 6º, 8º e do PAA.

 

 

Texto: Emerson Felipe

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054