16/02/11 | 10:08
Espetáculo de Balé é apresentado no Teatro Amazonas

Uma viagem por meio da dança, passando por cinco continentes, foi o enredo do espetáculo “A volta ao mundo em 80 sapatilhas” apresentada nessa quarta-feira, (16), às 20h, no Teatro Amazonas.

A biblioteca escolar foi o cenário escolhido para contar as particularidades e a dança dos principais países da Europa, América, África, Ásia e Oceania .O espetáculo ,dividido em cinco partes, contou com a participação de 200 crianças e jovens dos bairros Vale do Sinai, Monte Sinai Colônia Santo Antônio e adjacências.

No espetáculo, a personagem da professora orienta seus alunos em uma pesquisa sobre o mundo da dança, com dados históricos e curiosidades sobre o tema. As crianças iniciam a pesquisa, mergulham nos livros e começam a participar das histórias.

Para a diretora da associação, Carolina Soler, a dança transforma vidas e faz real diferença. “A dança realmente modifica o cotidiano dessas crianças e jovens, é uma motivação para se aperfeiçoarem e buscarem cada vez mais uma profissionalização. Montamos o espetáculo “A volta ao mundo em 80 sapatilhas” em 10 meses , por meio de pesquisa, aprimoramento das técnicas e a escolha do novo tema e enredo”, destacou a diretora.

Luana Thalia, 14, aluna do 9º ano da Escola Municipal João Braga, já participa do grupo há 4 anos e acredita que a dança mudou  sua vida. “A minha disciplina e comportamento mudaram bastante desde que comecei a praticar o balé, fiquei mais interessada nos estudos e obediente em casa. O balé é a minha paixão e tenho o sonho de ser uma grande bailarina profissional”, ressaltou Thalia.

A Coordenadora do Grupo, Regina Ortiz, ressaltou que a comunidade foi beneficiada com as atividades da Associação Belas Artes. “As crianças e jovens passam a ver o mundo de maneira diferenciada, com mais paixão e responsabilidade. A disciplina e os estudos melhoram tanto em casa quanto na escola e a evasão escolar também diminuiu”, afirmou a coordenadora.

A Associação Belas Artes do Amazonas – Belarte, instituição sem fins lucrativos, foi criada em setembro de 2005 na cidade de Manaus- AM. Seu objetivo é educar crianças e jovens carentes por meio da arte e cultura, ou seja, com aulas de dança em comunidades de vulnerabilidade social. O projeto de inclusão proporciona igualdade de oportunidades, para que possam desenvolver seu talento e sentirem-se cidadãos.