22/07/16 | 9:25
Alunos apresentam atividades sobre Dia da Abolição da Escravatura no Amazonas

Em alusão aos 132 anos da abolição da escravidão no Amazonas, escolas de todas as Divisões Distritais Zonais (DDZs) da Secretaria Municipal deFormatura do Proerd - Esc. Mul. Alvaro César - Fotos Cleomir (8) Educação (Semed) estão realizando atividades artísticas e culturais. As atividades são avaliadas e apresentadas por uma escola de cada DDZ. Nesta quinta-feira, 21, mais de 600 alunos da Escola Municipal Doutor Raimundo Nonato de Magalhães Cordeiro, localizada no Conjunto Amazonino Mendes, zona Norte, apresentaram o resultado das pesquisas em sala de aula sobre o tema do evento.

De acordo com a coordenadora de Diversidades da Divisão de Ensino Fundamental (DEF), Lídia Helena, a intenção da atividade é resgatar a história da escravidão no Amazonas e trabalhar com todos os alunos. “Vamos trabalhar o reconhecimento da nossa identidade, quem somos, toda a nossa história. Só conhecemos parte da história da escravidão que vem do sul e sudeste, como se não tivesse havido escravidão no Amazonas, mas fazemos parte doFormatura do Proerd - Esc. Mul. Alvaro César - Fotos Cleomir (11) Brasil e temos que resgatar essa história dentro das escolas, com respeito a nossa construção histórica e nossa identidade”, contou.

Em sala de aula, o tema sobre a escravidão serve para discutir sobre o racismo, como surgiu e porque não deve acontecer, como destacou o professor de História, Júlio Santos da Silva.

“Temos que trabalhar em sala de aula para que os alunos entendam que o racismo tem sua base histórica. Há muito tempo se discrimina o negro e a gente trabalha para valorizar essa etnia, pois eles foram fundamentais para a formação da nossa sociedade”, informou.

O ensinamento já foi entendido pelos alunos, como garante o estudante Wesley Pedro Paz Guimarães, 16. “Aprendemos que todos somos iguais independente da cor da pele, o que não acontecia antes, quando os negros eram discriminados a ponto de se tornar escravos”, contou.Formatura do Proerd - Esc. Mul. Alvaro César - Fotos Cleomir (17)

Representar a DDZ Centro-Sul foi um papel importante para a escola, como ressaltou a gestora Francisca Mourão, que relatou, ainda, que os alunos estudaram o assunto a fundo para a apresentação.

“Os alunos pesquisaram, mas todos nós tivemos que pesquisar e todos aprendemos juntos. Confesso que muita coisa eu não sabia, como os escravos eram urbanos e serviam a classe da maçonaria no Amazonas, coisas que nunca tinha ouvido falar e que agregamos ao nosso conhecimento pessoal e profissional. É um assunto rico que precisa ser compartilhado com todos os alunos”, informou.

 

 

Texto: João Pedro Figueiredo

Fotos: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054