14/11/13 | 17:09
Ação social da Escola Municipal Madre Tereza de Calcutá com a Marinha do Brasil

A Marinha do Brasil em parceria com a Escola Municipal Madre Tereza de Calcutá, bairro Santa Inês, zona Leste da cidade, realizou a Ação Cívica e Social (ACISO), nas dependências da unidade de ensino,nesta quinta-feira, 14.

O evento é uma ação do Batalhão de Operações Ribeirinhas – Corpo de Fuzileiros Navais, que atua nas comunidades ribeirinhas, pelas calhas dos rios amazônicos, por meio de navios equipados e com atuação de oficiais especialistas nas áreas da saúde e serviços diversos.

A ação beneficiou moradores da comunidade de Nova Floresta e proximidades, com serviços de atendimento médico de diversas especialidades, carreta da saúde, expedição de documentos, aferição de pressão, corte de cabelo e dicas de beleza. Com a previsão de atendimento de mais de mil pessoas, a Marinha do Brasil, em parceria com a escola Madre Tereza de Calcutá, realizou a reforma, a manutenção da quadra esportiva da escola, com serviços na rede elétrica, hidráulica, em conjunto com os comunitários e profissionais militares especializados.

Segundo o Secretário da Semed, Pauderney Avelino, a ação é o resultado que o poder público realiza em prol da comunidade escolar e das pessoas que precisam de serviços de pronto atendimento.

“É um trabalho que vale a pena ser feito e merece o nosso incentivo para ser ampliado. Com a participação da comunidade, a Marinha ajudou na reforma do ginásio coberto, bem como de toda a escola. Hoje, está sendo realizado o Aciso e a parceria com a Marinha é muito importante”, disse o Secretário.

Para o Vice-Almirante Domingos Sávio, comandante do 9º Distrito Naval, o trabalho da Marinha do Brasil é atender a comunidade e despertar o interesse de ingressar, no futuro, nas Forças Armadas para realizar o mesmo serviço com a população.

“Nossa função é ajudar na melhoria da escola e investir no recrutamento de alunos, com trabalhos úteis. As pessoas nos perguntam, “Para que a Marinha veio? Qual o papel da Marinha?” Nós, então, respondemos que o papel da Marinha é indicar o canal de navegação, mostrando que a Marinha comanda as vidas pelos rios do Amazonas. Nós precisamos de gente e estamos aqui. Nós fornecemos farda, educação, instrução e esses jovens serão úteis ao nosso estado e progresso”, finalizou.