14/06/12 | 11:55
1º Seminário Municipal do Programa Saúde na Escola

A Secretaria Municipal de Educação (Semed), integrante do Grupo de Trabalho Intersetorial (GTI), composto por membros de representantes da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Secretaria de Estado da Saúde (Susam) e Secretaria de Estado da Educação (Seduc), promove dias 12 e 13 de junho, o 1º Seminário Municipal do Programa Saúde na Escola, no Anfiteatro do Parque do Mindú, Parque 10 de Novembro, Zona Centro-Sul da cidade.

A solenidade de abertura ocorreu na manhã desta terça-feira, 12, com a presença do subsecretário de Gestão Educacional da Semed, Suames Maciel, representantes de órgãos e secretarias envolvidas no GTI, além da presença da atriz e cantora, Zezé Mota, e do autor da cartilha ‘Tirano Chamado Fumo”, Vangi Souza, entre outros convidados.

A programação ainda teve a palestra ‘Discutindo a Intersetorialidade das Ações para o Fortalecimento das Práticas de Educação em Saúde na Escola’, com a representante do Programa Saúde na Escola do Ministério da Saúde, Marilda Castro.

O objetivo do seminário é promover discussão, em painéis, sobre a importância da valorização das ações de promoção e prevenção à saúde para o fortalecimento das práticas de educação em saúde nas escolas, priorizando a intersetorialidade nas redes públicas de saúde e de educação, com foco nas questões sobre promoção da saúde ambiental e desenvolvimento sustentável, o trabalho no contexto escolar sobre drogas lícitas e ilícitas e os direitos sexuais e reprodutivos na adolescência.

“O Programa Saúde na Escola é uma iniciativa do governo federal, cujo município de Manaus tem um comitê gestor integrado por várias secretarias municipais e estaduais. A promoção da saúde no interior das escolas é fato e não tenho dúvidas que educação ea saúde são dois temas que não podem andar separados um do outro. A importância do seminário é para consolidar esse projeto na cidade de Manaus oriundo da força de profissionais das secretarias que vem alcançado resultados muito positivos em relação a saúde na vida dos estudantes”, explicou o subsecretário da Semed, Suames Maciel.

A diretora Marilda Calderaro Galvão, da Escola Municipal Professora Alexandrina Barros, bairro Colônia Santo Antônio, Zona Leste da cidade, foi uma das participantes do seminário. A gestora diz que o Programa Saúde na Escola é desenvolvido há dois meses em sua unidade educacional com um atendimento de 615 alunos do 1º ao 5º com campanhas educativas, primeiros socorros, palestras com os pais, implantação da caderneta de saúde do adolescente e da adolescente, saúde preventiva e triagem dos alunos para encaminhamento para Dezenorte-19.

“O seminário é a conscientização e aprendizagem de todos que estão aqui para aprender mais de como trazer a saúde para dentro da escola. Nós fazemos uma avaliação dos estudantes em sala de aula para detectar algum problema e depois fazemos o devido direcionamento de acordo com a situação do aluno”, comentou.

A Escola Municipal Raimunda Gonçalves Nogueira, bairro Zumbi, Zona Leste, há mais de um ano desenvolve o Programa Saúde na Escola. Mais de novecentos alunos do 6º ao 9º anos dos três turnos da escola participam e são beneficiados com o programa. Segundo a Professora Sandra Acioli, ela considera o evento de extrema importância em que a educação e a saúde andam juntas com a comunidade escolar e principalmente porque o encontro vem para ajudar a interagir na melhoria de novos caminhos dentro da comunidade escolar.

“A saúde envolvendo os jovens são fundamentais para nossos alunos que tem uma preocupação por nós da escola na condição de educadores. Temos o cuidado com a gravidez na adolescência, uso das drogas, a violência, os problemas que envolvem nossa comunidade de um modo geral. A escola trabalha muito com a comunidade escolar informações que eles possam entender, aprender e procurar ajuda de alguma forma. O programa é muito bom desde o ano passado e esse seminário com certeza será um auxílio mais ainda em conhecimento”, argumentou a educadora.

Lançamento

Na oportunidade foi realizado o lançamento do 3º Concurso sobre Tabagismo nas Escolas Públicas de Manaus com o tema “Fumar faz mal pra você, faz mal pro planeta”. O concurso é realizado anualmente pela Semsa, em parceria com a Semed, Seduc, Lacc e FCECON.

Além disso, haverá também o lançamento da nova cartilha do “Tirano chamado fumo”, do autor Vangi Souza com a presença da madrinha do projeto, a atriz e cantora Zezé Mota, que no final fez uma apresentação musical. Pesquisa do Ministério da Saúde, feita pela Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel-2011), mostra os hábitos dos fumantes residentes em Manaus hoje com um percentual de 11,9% da população maior de 18 anos fumantes.

Programação

DIA: 13/6 (Painéis)

Horário

Local

Atividade

8h30 às 11h Anfiteatro do Parque do Mindu  

8h00 às 8h30:

Café da Manhã

 

8h30 às 8h50: Painel

Meio Ambiente: Promoção da Saúde Ambiental e Desenvolvimento Sustentável. Jocilene Galúcio – EngªFlorestal.

 

8h50 às 9h

Debate com a Plenária

 

9h às 9h20: Painel

Drogas Lícitas e Ilícitas: Trabalhando no Contexto Escolar. Profa. Auristela Brasil – Psicopedagoga.

 

9h20 às 9h30

Debate com a Plenária

 

9h30 às 10h: Painel

Direitos Sexuais e Reprodutivos na Adolescência: Trabalhando Sexualidade na Escola – Thiago Rocha – Ong PAPAI.

 

10h às 10h30: Mesa com debatedores

Mesa composta com 01 adolescente MARJORIE, 01 médica AMANDA e 01 professora CINTHIA SIMONETTI.

 

10h30 às 11h:

Debate com a Plenária

 

11h: Encerramento.