13/08/19 | 9:29
Fórum nacional aborda experiência das escolas transformadoras

A convite do Instituto Alana e Ashoka Empreendedores Sociais, a Prefeitura de Manaus participará nesta quinta-feira, 15/8, da 17ª edição do Fórum Nacional Extraordinário dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), para falar sobre as escolas transformadoras da rede municipal de ensino. O encontro inicia nesta terça-feira, 13, e segue até sexta-feira, 16, na Costa do Sauípe (BA).

Com o tema “Qualidade da Educação: financiamento, gestão e aprendizagem”, o fórum tem como objetivo debater assuntos ligados ao tripé que sustenta a educação pública brasileira. O encontro pretende reunir aproximadamente de 1,5 mil dirigentes, técnicos de secretarias e educadores.

“Manaus já é um case de sucesso na educação básica, ao entrar no grupo das dez melhores cidades brasileiras no Ideb. E a nossa base foram as melhorias em infraestrutura, valorização do professor e fortalecimento das ações pedagógicas, que formam o tripé da educação de qualidade. Além disso, temos programas reconhecidamente exitosos, como o Escolas Transformadoras, que envolve a participação da família e valores afetivos no processo de ensino e aprendizagem”, destaca o prefeito Arthur Virgílio Neto.

A subsecretária de Gestão Educacional da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Euzeni Araújo; a diretora da escola municipal Professor Waldir Garcia, Lúcia Cristina Cortez; e a gestora do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Hermann Gmeiner, Zilene Trovão, representarão Manaus no evento.

O título de Escolas Transformadoras é reconhecido pelo Instituto Alana e Ashoka Empreendedores Sociais. O Cmei Hermann Gmeiner, localizado na Alvorada, zona Oeste, foi o primeiro do Brasil com esse título.

“Começamos a pensar em uma escola diferenciada, com uma educação integral que envolvesse os alunos nos aspectos cognitivos, afetivos e sociais. Formamos grupos de estudos com consultorias de educação e, juntos, construímos o processo da educação integral, com o envolvimento de toda a comunidade escolar, dos alunos e da família. É isso que vamos mostrar no fórum, o nosso envolvimento e apoio enquanto secretaria às escolas”, explica Euzeni.

A escola Professor Waldir Garcia é a primeira unidade em Manaus a desenvolver educação integral e a ser reconhecida como Transformadora. A unidade atende 206 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. De acordo com a gestora da unidade, Lúcia Cristina Cortez, a escola já desenvolvia uma educação participativa, mas não se enxergava como Escola Transformadora.

“Foi uma grande honra ser reconhecida como Escola Transformadora, porque nós já trabalhávamos em conjunto com os alunos, professores, pais e responsáveis, mas não tínhamos o reconhecimento. Com o certificado percebemos que estamos no caminho certo, que envolve todos no processo de educação”, comenta Lúcia.

Os pilares das Escolas Transformadoras são a empatia, o trabalho em equipe, o protagonismo e a criatividade. “É muito gratificante compartilhar a nossa experiência, ainda mais que somos a primeira escola pública da educação infantil Transformadora. Nós buscamos aprender com escolas de outras cidades, mas nenhuma tinha a nossa realidade, que é a educação infantil. Contamos muito com o apoio da Semed, que sempre investiu nas formações”, informa a gestora do Cmei Hermann Gmeiner, Zilene Trovão.

Fórum
Na 17ª edição do Fórum serão abordados assuntos como o novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) como mecanismo de financiamento para a garantia da qualidade da educação, a apresentação das ações intersetoriais na promoção da qualidade da educação, o processo de implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) nos municípios, além de políticas e programas para garantir o direito à educação e minicursos do Conviva Educação e a Busca Ativa Escolar.

 

Texto – Érica Marinho/ Semed
Foto – Érica Marinho/ Semed

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054