13/02/20 | 16:57
Estudo das expressões, sentimentos e escuta são trabalhados na Jornada Pedagógica das Creches

Com o tema “Escuta, fala, pensamento, imaginação e criatividade da professora de creche”, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) finalizou nesta quinta-feira, 13/2, a jornada pedagógica com profissionais que trabalharão pela primeira vez em creches municipais, no ano letivo de 2020. O encontro, que ocorreu na Divisão Profissional do Magistério (DDPM), na Avenida Maceió, zona Centro-Sul, teve início na quarta-feira, 12/2, e contou com a presença de 58 profissionais  que atuam em creches recém-inauguradas, ou que atuarão nas duas creches que serão entregues ainda no primeiro semestre de 2020.

O objetivo dessa atividade é oportunizar aos profissionais iniciantes na fase creche momentos de escuta da própria voz, das expressões e sentimentos por meio do mergulho nas experiências infantis deles, resgatando memórias e referenciais que contribuíram para a formação humana e profissional deles em uma perspectiva de respeito e consideração à criança que acolherão neste ano letivo.

A Gerente de Creches, Wissilene Brandão, explica que esse trabalho é realizado para que o professor que atuará nas creches compreenda o processo formativo e, com isso, estimule as crianças a se desenvolver nos quatro aspectos trabalhados pela secretaria: o físico, o motor, o cognitivo e o social.

“É como se a gente pudesse favorecer uma imersão nas concepções, toda formação humana e profissional que constituiu essa professora e, a partir de então, dar voz aos pensamentos e as expressões, favorecendo um perfil, uma identidade de professor de creche, numa prática docente aliada com a nossa finalidade que é desenvolver a criança em sua integralidade”, acrescenta Wissilene Brandão.

Para a pedagoga da Creche Municipal Dalvina Nascimento, Márcia Melo, essa jornada permite refletir sobre a prática e observar a importância do trabalho no desenvolvimento das crianças e dos bebês. “Nos propicia partilha de saberes e de pertencimento, para podermos entender a necessidade do outro, sobre o quê nossas limitações podem ser supridas pelo outro. O trabalho de creche não é desenvolvido sozinho. São duas professoras em sala de aula e, enquanto pedagoga, eu posso suprir a necessidade das professoras e das crianças também”.

A educadora Christianne Silvestre é uma das professoras que atuarão em uma das novas creches, que será inaugurada no primeiro semestre de 2020. Segundo ela, essa formação de suma importância, porque prepara os docentes para os novos desafios da Educação Infantil, na fase creche.

“A gente consegue ter uma noção do que encontraremos na creche. Claro que a realidade é diferente, mas com essas instruções nós conhecemos um pouco do que nos espera”, concluiu.

 

Texto: Alexandre Abreu

Fotos: Cleomir Santos/ Semed

 

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054