11/09/18 | 14:29
Escola Municipal Raimundo Almeida realiza atividade sobre amizade

A Escola Municipal Raimundo Almeida Lúcio, no bairro da Colônia Terra Nova, zona Norte, realizou nesta terça-feira, 11/9, a sexta aula do Programa Passaporte: habilidade para vida, com tema “Árvore da amizade”, realizado em parceria pela Secretaria Municipal de Educação (Semed) e Associação pela Saúde Emocional da Criança (ASEC).

A unidade de ensino é a única da Semed a participar do programa, que atende 140 alunos do 7º e 8º ano do Ensino Fundamental, desde agosto deste ano, em que são realizadas aulas e atividades temáticas, que abordam temas como sentimento, relacionamentos e ajuda mutua, situações difíceis, equidade, justiça, mudança e perda.

O objetivo é melhorar o desempenho escolar e lado comportamental dos alunos em sala de aula e na família. A diretora Shirley Maria Vieira, disse que para alcançar seus objetivos, houve um treinamento em São Paulo, na sede da associação, em que foram repassadas as diretrizes do programa.

“Eles estão em uma idade da adolescência e tem ainda muitas dúvidas. O programa procura trabalhar essa parte emocional e as habilidades, sendo com amizade, respeito ao próximo, saber ouvir e compreender”, comentou.

A professora de ciências, Andrea Merci Cirino da Silva, que trabalha junto com a diretora no programa, ressaltou a importância do aprendizado, principalmente em sala de aula e na melhoria comportamental dos alunos.

“Antes eram tímidos e não faziam perguntas, pois achavam que era irrelevante, mas isso tem melhorado. Posso citar uma turma, que tinha muito bullying, se tratavam por apelidos, mas hoje se respeitam e se tratam como amigos. Com isso, melhorou o rendimento escolar, sendo uma satisfação para eles e para nós”, disse.

Positivo

A aluna do 7º ano, Sthefany Maquiné, 14, participou da aula que teve como mensagem ‘Compreender Mais as Pessoas’. Para ela, que não tinha um bom comportamento na escola, tudo mudou quando começou a participar com o grupo de alunos do programa.

“Essa mensagem foi para mostrar que agora compreendo as pessoas, porque antes não lidava muito com isso, sendo rígida e grossa. Durante as aulas aprendi a respeitar os mais velhos, saber compreender e saber fazer amizade”, comentou.

Tido como muito tímido, o aluno do 8º ano, Erinaldo Palma, 14, participa desde o início do programa. Na atividade de hoje, levou a mensagem “Respeito ao Próximo”. Para ele, tem sido quebradas muitas barreiras, o que o tem ajudado em sala de aula.

“Aprendi a respeitar a outra pessoa. Não vou chegar para alguém e chamá-lo de velho ou falar algo sobre sua cor, pois tenho que respeitar a todos. Isso contribui muito, pois era muito tímido. Além disso, tem ajudado no meu desempenho escolar, porque antes tirava oito nas notas, mas agora é só dez nas provas”.

 

Texto: Paulo Rogério Veiga

Foto: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054